PUBLICIDADE

Mãe e filho investem 200 mil em loja de pijamas e hoje faturam R$ 4 milhões por ano

Lançado em 2011, e-commerce Pijama Online cresceu 900% durante pandemia

11 dez 2023 - 05h00
Compartilhar
Exibir comentários

Mãe e filho, Isabela Barkauskas e Marcel Avellar Barkauskas resolveram apostar tudo em uma loja online de pijamas em 2011, ano em que nasceu a Pijama Online. Impulsionado pela necessidade de isolamento social durante a pandemia, o negócio cresceu 900% e alcançou o faturamento de R$ 4 milhões em 2022. Para esse ano, a expectativa é de que o valor se mantenha nesta faixa.

Formada em Ciências Contábeis, Isabela, de 60 anos, iniciou sua carreira atuando como autônoma, vendendo cosméticos e semijoias. Em 1989, aos 26 anos, inaugurou sua primeira loja de roupas e calçados em São Bernardo do Campo, na Grande São Paulo, a qual nomeou de Bela Modas. 

Isabela Barkauskas, CEO da Pijama Online, e-commerce de pijamas
Isabela Barkauskas, CEO da Pijama Online, e-commerce de pijamas
Foto: Arquivo pessoal

A loja não alcançou resultados expressivos. No ano seguinte, ela decidiu mudar o foco do negócio e passou a explorar os segmentos de beleza e moda íntima. “Despertou minha paixão pelos pijamas”, relembra, em entrevista ao Terra.

Na época, seu filho Marcel, de 34 anos, trabalhava com publicidade e propaganda em um e-commerce de moda feminina. Movido pela vontade de empreender, o publicitário sugeriu à mãe que unissem o conhecimento dele em vendas pela internet e a sua especialização no setor de pijamas para abrir uma loja juntos.

Marcel Barkauskas administra loja Pijama Online com a mãe, Isabela
Marcel Barkauskas administra loja Pijama Online com a mãe, Isabela
Foto: Arquivo Pessoal

Primeiro e-commerce de pijamas no Brasil

Fundada em 2011, a Pijama Online conta com uma loja física em São Caetano do Sul, na Grande São Paulo, mas concentra 70% das suas vendas na internet. A dupla investiu inicialmente cerca de R$ 200 mil. “Tomei a decisão de vender todas as minhas operações para fundar a Pijama Online, que se tornaria o primeiro e-commerce especializado em pijamas no Brasil”, orgulha-se Isabela.

No início, Isabela e Marcel ‘atiraram no escuro’. “Como era um negócio inovador, eu não tinha números para me basear se seria um negócio promissor”, revela a mãe. Além da pandemia, a empresária atribui o sucesso atual ao investimento que os sócios fizeram em tecnologia, quando a internet começava a crescer no Brasil.

Loja física Pijama Online São Caetano do Sul (SP)
Loja física Pijama Online São Caetano do Sul (SP)
Foto: Divulgação/Pijama Online

Para dar conta da demanda na pandemia, a loja precisou aumentar a área de estoque e o número de funcionários, além de fazer convênios com empresas terceirizadas.

A Pijama Online tem hoje oito funcionários fixos e trabalha com 16 marcas de pijamas, lingeries, cuecas, roupões e meias. Entre elas estão a Calvin Klein, Any Any, Recco e Jogê. O e-commerce recebe por volta de 30 pedidos por dia.

Planos em expansão

Para os próximos anos, mãe e filho querem expandir a presença da Pijama Online com pontos de venda físicos em diversas cidades do Brasil. Atualmente, a loja conta com uma única sede, em São Caetano do Sul (SP).

“Desejamos proporcionar a todos a mesma experiência que nossos clientes na Grande São Paulo já desfrutam: a oportunidade de experimentar os produtos antes da compra, a conveniência de receber os pedidos em menos de 24 horas, ou a praticidade de retirar as compras em uma loja próxima de suas residências”, explica a empresária Isabela Barkauskas.

Fonte: Redação Terra
Compartilhar
Publicidade
Publicidade