PUBLICIDADE

Vítima de golpe, ator de Beiçola não tem dinheiro nem pra aluguel

Reprises de "A Grande Família" rendem R$ 600 para o ator, que passa por graves dificuldades

19 out 2023 - 06h25
(atualizado às 15h44)
Compartilhar
Exibir comentários
Marcos Oliveira, o Beiçola de "A Grande Família"
Marcos Oliveira, o Beiçola de "A Grande Família"
Foto: Montagem Homework

Aos 67 anos de idade, o ator Marcos Oliveira, o Beiçola de "A Grande Família", passa por graves problemas financeiros, sofre com falta de trabalho e ainda foi vítima de um golpe que o fez perder tudo o que restava.

Desde 2016, Marcos sofre com uma fístula na uretra, doença que já fez ele gastar R$ 85 mil para o tratamento. Mas tudo teve que ser interrompido por não haver mais dinheiro para o pagamento do tratamento. O pior, no entanto, é a possibilidade de ficar sem ter onde morar.

"Não tenho dinheiro para pagar aluguel e as contas. Fiz dois empréstimos para sobreviver acreditando que acharia um trabalho logo. Estou juntando dinheiro para tentar pagar o aluguel deste mês. Se não pagar, daqui a pouco estou sendo despejado", disse o ator ao UOL.

"Quero trabalhar, ter minha dignidade. Não quero ficar receber esmola de ninguém. Parece que meu trabalho não é suficiente ou que não tenha qualidades para ser bem-sucedido no meu trabalho, entendeu?"

Uma doação generosa

Oliveira chegou a se preparar para ir morar no Retiro dos Artistas, mas mudou de ideia ao receber uma doação generosa de R$ 50 mil da influenciadora digital Deolane Bezerra.

Além de "A Grande Família", que durou mais de uma década, o ator chegou a conseguir um papel na novela "Deus Salve o Rei", em 2017, onde interpretou o tio da personagem da atriz Tatá Werneck. 

O dinheiro conseguido com a novela duro até 2019, quando a situação voltou a ficar ainda mais dramática após ele sofrer um golpe.

"Uma pessoa me roubou tudo que eu tinha dentro dos bancos. Já fiz o boletim de ocorrência, mas o bandido está aí, à solta, e eu não posso fazer nada. Não posso nem dizer quem é a pessoa. Até meu INSS o cara roubou. Hoje vivo a base da esmola, da ajuda das pessoas", lamentou o ator.

"Estou sem dinheiro, sem trabalho. Estão me processando: o Banco BV e o Itaú. Ajudei um amigo meu, ele não pagou e agora estou tentando resolver. Estou sem trabalho e preciso sobreviver. Consegui uma ajuda, mas fiquei devendo cinco meses de aluguel. Preciso de R$ 4 mil para começar a pagar o que devo em 18 vezes. Ainda tenho que pagar o aluguel, que é de R$ 3 mil", completou ele em entrevista à TV Record.

Ajuda para cirurgia

Em 2022, Oliveira veio a público pedir ajuda dos fãs para pagar por uma cirurgia. A atriz Tatá Werneck conseguiu um plano de saúde para o ator. "Ela é uma amiga, uma irmã, a gente não se vê, a gente não tem um contato, mas é de uma afetividade, que supera os anjos e os arcanjos", agradeceu ele via Instagram.

Quem imagina que as "A Grande Família" rendem algum dinheiro, o ator explica que não é bem assim: "Quando depositam é R$ 600, no máximo", disse ele.

(*) HOMEWORK inspira transformação no mundo do trabalho, nos negócios, na sociedade. É criação da Compasso, agência de conteúdo e conexão. 

Homework Homework
Compartilhar
Publicidade
Publicidade