15 eventos ao vivo

Só 23% poderiam mudar o voto após assistir a um debate na TV

Para 73% dos eleitores, Bolsonaro deveria se encontrar com Haddad diante das câmeras

19 out 2018
11h31
atualizado às 19h07
  • separator
  • 0
  • comentários

Além de perguntar a intenção de voto dos brasileiros, o Datafolha passou a questioná-los a respeito de outras questões relevantes nesta eleição atípica e tumultuada.

Haddad e Bolsonaro: uma eleição a ser definida sem debate cara a cara
Haddad e Bolsonaro: uma eleição a ser definida sem debate cara a cara
Foto: Fotomontagem: blog Sala de TV (fotos de divulgação) / Divulgação

Na mais recente pesquisa, divulgada na quinta-feira (18), os agentes do instituto perguntaram se haveria chance de o eleitor mudar o voto após acompanhar debates na TV entre os presidenciáveis.

Responderam ‘sim’ 23% das pessoas. Entre elas, 6% afirmaram que a possibilidade de trocar de candidato seria ‘grande’.

Para 76%, o voto está definido, sem brecha para mudança. Apenas 1% afirmou não saber se o confronto olho a olho dos presidenciáveis seria capaz de influenciá-los.

Dos mais de 9 mil eleitores ouvidos pelo Datafolha, 73% disseram que Jair Bolsonaro (PSL) deveria comparecer aos debates agendados por emissoras de TV. ‘Não deveria ir’ foi a resposta de 23%. Os que ‘não sabem’ somaram 4%.

Em entrevista à GloboNews, Bolsonaro anunciou que não vai participar dos eventos previstos para o dia 21 na RecordTV e no dia 26 na Globo, apesar de ter sido liberado pela equipe médica para cumprir compromissos externos.

“Ele tem uma boa explicação ao eleitorado para não ir aos debates, que é a saúde. Quem vota nele não vai passar a votar no Haddad só porque o Bolsonaro não compareceu a um debate”, analisou Merval Pereira na ‘Central das Eleições’.

Nesta eleição, a propaganda eleitoral na TV e os debates perderam poder de influência em relação aos eleitores. Enquanto isso, as redes sociais e o WhatsApp se tornaram as plataformas preferidas para a caça aos votos.

Ainda que atacado por todos os lados, o telejornalismo manteve sua importância na campanha. 

Os candidatos compareceram às entrevistas nos estúdios e dão atenção aos repórteres no dia a dia. 

Eles sabem que a visibilidade diária nos telejornais ainda possui valor inestimável a quem ambiciona sentar na cadeira de presidente da República.

Ouça o podcast Terra Entretenimento:

Veja também:

 

Sala de TV Blog Sala de TV - Todo o conteúdo (textos, ilustrações, áudios, fotos, gráficos, arquivos etc.) deste blog é de responsabilidade do blogueiro que o assina. A responsabilidade por todos os conteúdos aqui publicados, bem como pela obtenção de todas as autorizações e licenças necessárias, é exclusiva do blogueiro. Qualquer dúvida ou reclamação, favor contatá-lo diretamente no e-mail beniciojeff@gmail.com.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade