2 eventos ao vivo

Ator de As Branquelas surge 'cool' em filme de Sofia Coppola

Marlon Wayans interpreta o marido quase perfeito da protagonista de 'On The Rocks'

21 ago 2020
12h33
atualizado às 12h52
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Comédia trash, As Branquelas tornou Marlon Wayans mundialmente famoso ao lado do irmão Shawn Wayans. Juntos, os dois já haviam protagonizado a série Dupla do Barulho e repetiram a parceria em outras produções, como no igualmente tosco O Pequenino. Agora, o ator de 48 anos se reinventa diante das câmeras em papel sóbrio no novo filme de Sofia Coppola, On The Rocks, sua primeira produção para a Apple TV+. A estreia será em outubro.

Acima, Laura e Dean, o casal que enfrenta o distanciamento na relação; abaixo, Felix e a filha em uma das várias cenas de papo-cabeça com bom humor
Acima, Laura e Dean, o casal que enfrenta o distanciamento na relação; abaixo, Felix e a filha em uma das várias cenas de papo-cabeça com bom humor
Foto: Divulgação

Na trama criada e escrita pela própria cineasta, Laura (Rashida Jones) recebe a ajuda do pai, Felix, um velho playboy interpretado por Bill Murray, para descobrir se o marido dela está sendo infiel. Os dois vão percorrer a Nova York pré-pandemia e mergulhar em si próprios enquanto buscam a tal verdade. Marlon Wayans vive Dean, o companheiro quase perfeito, porém cada vez mais distante da esposa.

Esqueça a atuação bufônica que popularizou o ator no cinema. Desta vez ele exibe performance naturalista, ao estilo do método Stanislavski. O personagem parece um homem comum, e aí está a graça da composição. Marlon mostra ser capaz de transmitir verossimilhança ao incorporar um americano típico, dividido entre a família e o trabalho. Interessante ver o ator fora daquele estereótipo do negro comediante que tenta fazer graça a qualquer preço. "Muito orgulhoso de estar nesse filme", escreveu o artista em seu perfil no Instagram. "É doce, bonito, divertido."

Marlon Wayans mostra nova faceta artística em 'On The Rocks'
Marlon Wayans mostra nova faceta artística em 'On The Rocks'
Foto: Divulgação

O clima intimista e o humor agridoce presentes em On The Rocks lembram o maior sucesso de crítica de Sofia Coppola, Encontros e Desencontros, de 2003. A cineasta ganhou o Oscar de Melhor Roteiro com a história da interação poética (e levemente triste) entre um ator entediado (Bob/Bill Murray) e uma jovem tentando descobrir seu lugar no mundo (Charlotte/Scarlett Johansson) no meio do caos tecnológico de Tóquio.

Uma comédia despretensiosa com pitadas de reflexão e jocosidade como On The Rocks, ambientada em um mundo sem covid-19, é tudo o que precisamos nesses tempos de tanta melancolia, pessimismo e introspecção.
 

Veja também:

O chef premiado que valoriza peixes considerados menos nobres
Sala de TV Blog Sala de TV - Todo o conteúdo (textos, ilustrações, áudios, fotos, gráficos, arquivos etc.) deste blog é de responsabilidade do blogueiro que o assina. A responsabilidade por todos os conteúdos aqui publicados, bem como pela obtenção de todas as autorizações e licenças necessárias, é exclusiva do blogueiro. Qualquer dúvida ou reclamação, favor contatá-lo diretamente no e-mail beniciojeff@gmail.com.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade