1 evento ao vivo

Iza consagra status de estrela pop com Alcione no Sunset

Revelada para o cenário nacional no mesmo espaço em 2017, cantora consolida sua posição na música nacional; Marrom cantou

29 set 2019
20h32
atualizado às 21h20
  • separator
  • 0
  • comentários

Com um conjunto prateado desenhado apenas para as estrelas, Iza subiu ao palco Sunset do Rock in Rio 2019 para consolidar uma história que ela própria começou em 2017, quando pisou no mesmo palco para salvar um show àquela altura morno de Cee Lo Green. Dessa vez com seu na frente do cartaz, a cantora pop apresentou um show com produção refinada e sucessos na boca do povo.

Isso porque a certa altura do show ela convida Alcione - uma rainha de cabelos prateados - e elas cantam juntas Não Deixe o Samba Morrer (para um coro unânime), Meu Ébano e uma versão soul arrasadora de Você Me Vira a Cabeça.

Os sucessos de Dona de Mim, o álbum de Iza de 2018, também são entoados pela plateia, como Ginga (com a participação gravada do flow mais reconhecível da geração no Brasil, o de Rincon Sapiência). Esse Brilho É Meu, de 2017, flerta com um clima de carnaval, e Meu Talismã, música desse ano, se aproxima de uma balada romântica.

Apresentação da cantora Iza no Palco Mundo, no terceiro dia de festival de musica Rock in Rio 2019, realizado no Parque Olimpico da Barra da Tijuca, neste domingo (29).
Apresentação da cantora Iza no Palco Mundo, no terceiro dia de festival de musica Rock in Rio 2019, realizado no Parque Olimpico da Barra da Tijuca, neste domingo (29).
Foto: GILVAN DE SOUZA/AGÊNCIA O DIA / Estadão

"Em 2015, ajoelhei no chão e pedi pra Deus para tocar num palco do Rock in Rio. Achei que seria a pessoa mais feliz do mundo, e olha aí! Se você está aí na plateia com um sonho, acredite", compartilhou Iza.

Com um grupo grande de dançarinos no palco e escadarias para abrigar um banda que se movimenta pelo pop com toques de soul e R&B, Iza tem movimentos fáceis e carisma que nunca passa uma sensação de falsidade. Um público grande para os padrões do Sunset aproveitava o show dançando e cantando.

 

Em outro momento, Iza chama ao palco uma pequena dançarina de nove anos para uma performance (da pequena) que beira o surreal.

Mas o espírito do Sunset é o de encontros, e o de Iza e Alcione funciona como poucos. "Eu sempre acreditei nela, vocês sabem!", diz Alcione sobre sua parceira mais jovem. Elas cantam juntas Chain of Fools, sucesso de Aretha Franklin de refrão irresistível, que as duas regravaram em São Paulo às vésperas da apresentação no festival.

Um dos melhores shows do primeiro fim de semana do festival.

Veja mais:

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade