PUBLICIDADE

15 músicas românticas antigas para tocar no violão

Um grande amor precisa de uma bela trilha sonora, não é mesmo? Portanto, para embalar a semana do Dia dos Namorados, nada melhor do que uma sugestão de repertório com músicas românticas antigas! Aqui, selecionamos 15 canções que fizeram muito sucesso no passado para você tocar no violão. Nesse sentido, daremos dicas preciosas para que […] The post 15 músicas românticas antigas para tocar no violão appeared first on Cifra Club.

7 jun 2022 - 12h03
Ver comentários
Publicidade

Um grande amor precisa de uma bela trilha sonora, não é mesmo? Portanto, para embalar a semana do Dia dos Namorados, nada melhor do que uma sugestão de repertório com músicas românticas antigas!

Um apaixonado Tim Maia tocando romanticamente seu violão (Foto/Reprodução/Internet)
Um apaixonado Tim Maia tocando romanticamente seu violão (Foto/Reprodução/Internet)
Foto: Cifra Club

Aqui, selecionamos 15 canções que fizeram muito sucesso no passado para você tocar no violão. Nesse sentido, daremos dicas preciosas para que você acerte a mão e execute as músicas com mais facilidade.

Então, prepare o seu violão e venha aprender algumas baladas com a gente!

Músicas românticas antigas que não podem faltar no repertório

Primeiramente, é importante esclarecer que o objetivo do artigo de hoje é pontuar alguns macetes técnicos para tocar músicas românticas antigas no violão. Em outras palavras, não vamos explicar as letras nem fornecer dados históricos, ok? Assim, você pode manter o foco na parte musical, sem distrações.

Além disso, buscamos mesclar vários estilos musicais, com artistas nacionais e internacionais. Confira só algumas canções que você vai aprender hoje:

  • Evidências
  • I Want To Hold Your Hand
  • Exagerado
  • Somebody To Love
  • Mania de Você
  • Every Breath You Take

Beleza, agora vamos às dicas!

Evidências — Chitãozinho & Xororó

Começamos a nossa lista de músicas românticas antigas com um dos maiores sucessos da música brasileira. Evidências, da dupla Chitãozinho & Xororó, está no tom de E e fica melhor com violão de aço.

A grande dificuldade da canção é a quantidade de acordes, 25 ao todo. Assim, comece com um dedilhado padronizado. Depois, quando a dinâmica crescer, foque na marcante batida sertaneja. A nossa videoaula explica bem isso:

More Than Words — Extreme

Primeiramente, afine o seu violão meio-tom abaixo para aprender a tocar More Than Words, ok? Assim, você segue a tonalidade original. Depois de dominar a execução, você pode tocar com a afinação padrão.

Aqui, o grande lance é a batida rítmica. Toque apenas com os dedos, usando o polegar para os bordões (cordas mais graves) e os demais dedos para as cordas primas (mais agudas). Aí, é só seguir o padrão original, abafando o som sempre que preciso.

Se você preferir se basear na versão simplificada da canção, aqui está ela:

Exagerado — Cazuza

Embora esse hit do Cazuza tenha 11 acordes ao todo, somente um deles tem pestana. Então, essa parte está fácil, concorda?

O segredo para tocar Exagerado no violão é enfatizar a intenção de cada parte da produção original. Portanto, os trechos terão ritmos diferentes. Em seguida, confira a videoaula para entender direitinho:

Caso você ainda esteja com dificuldades, assista à aula simplificada de Exagerado:

Is This Love — Bob Marley

Aqui está um verdadeiro clássico de Bob Marley, o mestre do reggae. A canção Is This Love tem a clássica batida no contratempo, então se certifique de abafar bem as cordas nas pausas, ok?

Os acordes não apresentam complexidade. Porém, para abrilhantar um pouco mais o arranjo, você pode incorporar alguns elementos das linhas de guitarra e baixo ao violão. Um exemplo é a convenção que rola na introdução, como mostra nosso professor Gustavo Fofão nesta incrível versão:

Aprenda a tocar igual ao nosso instrutor com a videoaula abaixo:

Mania de Você — Rita Lee

Com acordes bonitos e formações pouco usuais, Mania de Você está no tom de C e é uma ótima música para enriquecer o seu senso harmônico.

Acima de tudo, para tocar essa canção, você precisa de sensibilidade. Há momentos para tocar leve, deixando os acordes soando, enquanto outros trechos exigem intensidade. A parte do ritmo também é bem diversificada.

Ah, mais uma vez, temos também uma videoaula simplificada dessa música, olha só:

Can't Help Falling In Love — Elvis Presley

Quer treinar o dedilhado? Aqui está uma belíssima oportunidade. Nesse sentido, Can't Help Falling In Love dispensa totalmente o uso de palheta. Ademais, um violão com cordas de nylon fica perfeito para essa música!

A canção está na tonalidade de A e conta com 14 acordes no total. Portanto, memorize todos os shapes e partes antes de tentar tocá-la inteira, beleza? O maior desafio será manter o padrão do dedilhado, tocando todas as cordas de maneira uniforme.

Caso a música ainda pareça complexa para você, dê uma olhada na aula simplificada desse clássico do Elvis:

Dona — Roupa Nova

Essa faixa do Roupa Nova é interessante porque possibilita que você explore diferentes abordagens. Em outras palavras, há arranjos tanto rítmicos quanto melódicos que podem ser tocados no violão.

A harmonia tem muitos acordes diferentes. Assim, é normal levar um tempinho para decorar todas as formações. Já os solos de Dona exigem precisão nos slides.

 Se preferir, aqui está a versão simplificada da música: 

I Want To Hold Your Hand — The Beatles

Não poderia faltar uma canção dos Beatles nesta lista, né? Afinal, os caras eram românticos assumidos e sabiam fazer baladas como poucos.

Para tocar I Want To Hold Your Hand, você pode seguir dois caminhos: segurar apenas a base simples ou executar os arranjos especiais. De qualquer forma, a harmonia é bem básica, viu?

Novamente, temos a aula simplificada dessa música para você:

Detalhes — Roberto Carlos

Se você puder tocar essa música de Roberto Carlos com um violão de nylon, faça isso. Logo de cara, a introdução apresenta um dedilhado bem marcante, então tire direitinho, ok? 

A música conta com apenas 7 acordes no total, incluindo algumas variações para a mesma nota. Como resultado, seu dicionário harmônico ficará muito mais rico ao aprender Detalhes.

Baby Can I Hold You — Tracy Chapman

No campo harmônico de D, essa balada de Tracy Chapman tem uma batida de violão bastante comum. Há apenas um acorde com pestana - ou seja, todos os outros são com cordas soltas. 

Se há alguma dificuldade em Baby Can I Hold You, é manter o andamento constante. Isso significa que você não deve acelerar o ritmo em nenhuma parte, certo? 

Você é Linda — Caetano Veloso

Esse sucesso de Caetano Veloso exige bastante desenvoltura e resistência dos dedos, pois o ritmo é bem marcado durante boa parte da canção.

Devido à rica harmonia de Você é Linda, é bastante provável que você não conheça muitos desses acordes. No entanto, seja otimista e encare como uma oportunidade de evolução. Você vai conseguir, temos certeza!

Somebody To Love — Queen

Na tonalidade de Ab, esta música do Queen pode ser tocada com um capotraste na 1ª casa. Assim, você executa os acordes como se estivessem no tom de G, evitando pestanas demais.

É bom saber que há muitas sutilezas na harmonia de Somebody To Love. Por exemplo, o acorde de D tem cinco variações, enquanto o de C tem quatro. Não se assuste, pois essa diversidade sonora vai apurar os seus ouvidos. Ainda há um solo para você treinar mais técnicas!

Gostava Tanto de Você — Tim Maia

Para os que curtem uma batida groovada no violão, essa música de Tim Maia é um prato cheio. Precisão rítmica e abafamento de cordas são os recursos mais importantes nesse sentido.

Falando da harmonia em si, há apenas quatro acordes durante Gostava Tanto de Você inteira. Antes de comemorar, muita calma, porque três deles têm pestanas. Então, força nos dedos!

Há também uma maneira mais fácil de tocar essa faixa. Veja abaixo:

Every Breath You Take — The Police

Eterna composição que toca o coração dos apaixonados, Every Breath You Take pode ter sua base executada no violão de forma muito simples. Nesse sentido, faça apenas batidas para baixo.

Porém, para seguir a versão original, é bacana apresentar o tema instrumental em forma de dedilhado. Aqui, o uso de palheta ou dos dedos fica a seu critério, ok? De início, esse trecho pode ser desafiador. Entretanto, com um pouco de treino, as coisas ficam mais fáceis!

Se você ainda está confuso, pode ser uma boa ideia conferir a videoaula simplificada desse clássico do The Police:

Eduardo e Mônica — Legião Urbana

Com dois principais padrões de acompanhamento, Eduardo e Mônica está no tom de E e apresenta 9 acordes no total. Dessa forma, alguns deles têm pestana e grande abertura de dedos, tudo bem?

Certamente, essa música fica ótima se tocada com palheta e violão com cordas de aço. Para incrementar a execução, você pode fazer algumas passagens de bordões bem interessantes, como mostra nosso instrutor Leo Eymard:

Compartilhe o amor (e este artigo!)

Definitivamente, seu repertório será outro após a adição dessas músicas românticas antigas! Esperamos que você tenha curtido as dicas técnicas que fornecemos hoje. 

Então, assim como toda forma de amor deve ser compartilhada, aproveite e envie o link deste artigo para seus colegas que tocam violão. Dessa forma, o mundo ficará mais romântico e musical!

The post 15 músicas românticas antigas para tocar no violão appeared first on Cifra Club.

Cifra Club
Publicidade
Publicidade