PUBLICIDADE

Charles acredita em terapia com sucos adotada por ator vítima de câncer aos 37 

Rei dos britânicos se manifestou a favor de tratamento alternativo enquanto médicos reafirmam a importância dos remédios convencionais

10 fev 2024 - 12h25
Compartilhar
Exibir comentários

“O rei adora terapias alternativas”, declarou Kristina Kyriacou, secretária de comunicação de Charles entre 2009 e 2016, quando ele era príncipe herdeiro, em entrevista ao programa ‘Good Morning Britain’, do canal britânico ITV.  

Ela acredita que o rei vai fazer um “blend” (mistura) entre a medicina tradicional e tratamentos não convencionais para buscar a cura do câncer. Detalhes sobre a doença não foram revelados. 

O Palácio de Buckingham limitou-se a dizer que não se trata de um tumor na próstata, eliminando a suspeita levantada pela imprensa após o monarca de 75 anos ser submetido a uma cirurgia para corrigir o aumento anormal da glândula. 

Muito ligado à botânica, Charles III sempre defendeu o uso de plantas medicinais. O jornal ‘Daily Mail’ lembra que em 2004 ele se manifestou a favor da Terapia de Gerson para combater o câncer. 

Chegou a sugerir que o tratamento fosse incorporado pelo NHS, o serviço público de saúde da Inglaterra. “Os médicos anularam as suas alegações e a terapia nunca foi adotada no NHS, estando apenas disponível em clínicas privadas especializadas”, informa a publicação. 

Criado pelo médico alemão Max Gerson na década de 1920, o tratamento consiste em um cardápio com relevante quantidade diária de alimentos orgânicos e o consumo de vários copos de sucos naturais, além de lavagem intestinal com café para desintoxicar o organismo. Essa prática não é reconhecida pela medicina convencional. 

Um de seus adeptos foi o ator Leo Rosa, famoso por atuar em novelas da Globo e Record. Ele criou uma vaquinha on-line para custear a viagem ao México, onde fez a Terapia de Gerson em uma clínica particular. Na época, compartilhou sua estadia em posts nas redes sociais. 

Com o agravamento do tumor nos testículos, o artista recorreu a sessões de quimio no setor de Urologia do Instituto Nacional do Câncer (INCA), no Rio. Morreu em 9 de março de 2021, aos 37 anos. O último trabalho foi uma participação especial interpretando um repórter de TV em ‘Amor de Mãe’, da Globo. 

Coroado em maio de 2023, Charles III também acredita na homeopatia. O médico que cuida da família real, Dr. Michael Dixon, é conhecido pelo apoio às terapias complementares. 

Ele crê, por exemplo, que certos fitoterápicos são capazes de curar o câncer. Essa posição o fez ser duramente criticado por acadêmicos e cientistas do Reino Unido que não enxergam a comprovação de resultados. 

Segundo Kristina Kyriacou e outro ex-secretário de imprensa de Charles, Julian Payne, o atual chefe da dinastia Windsor toma café da manhã reforçado, com sala de frutas, sucos e muitas sementes, incluindo linhaça. “Parece um passarinho”, disse a ex-funcionária. 

O rei não tem o hábito de almoçar. No jantar, alimentos orgânicos leves. Costuma se abster do consumo de carnes e laticínios em determinados dias da semana. Antes da anomalia na próstata e do diagnóstico de câncer, ele nunca havia tido um problema grave de saúde.

O rei Charles III defende a Terapia de Gerson experimentada pelo ator Leo Rosa, vítima de câncer em 2021
O rei Charles III defende a Terapia de Gerson experimentada pelo ator Leo Rosa, vítima de câncer em 2021
Foto: Reproduções
Sala de TV Blog Sala de TV - Todo o conteúdo (textos, ilustrações, áudios, fotos, gráficos, arquivos etc.) deste blog é de responsabilidade do blogueiro que o assina. A responsabilidade por todos os conteúdos aqui publicados, bem como pela obtenção de todas as autorizações e licenças necessárias, é exclusiva do blogueiro. Qualquer dúvida ou reclamação, favor contatá-lo diretamente no e-mail beniciojeff@gmail.com.
Compartilhar
Publicidade
Publicidade