PUBLICIDADE

Conheça a história do A24, estúdio com mais indicações ao Oscar 2023

24 jan 2023 - 20h01
Compartilhar
Exibir comentários
Foto: Divulgação/A24 / Pipoca Moderna

As indicações ao Oscar 2023 representaram uma mudança de paradigma. Pela primeira vez desde a sua criação, o estúdio indie A24 teve um número maior de indicações que os grandes estúdios de Hollywood, sendo nomeado 18 vezes com um total de seis filmes na disputa.

Fundado em 2012 por Daniel Katz, David Fenkel e John Hodges, o A24 rapidamente se estabeleceu como um estúdio especializado em produções diversificadas, como "Ginger & Rosa" (2013), "Spring Breakers" (2013) e "Sob a Pele" (2014). Mas bastou o sucesso de filmes como "A Bruxa" (2016), de Robert Eggers, e "Hereditário" (2018) e "Midsommar" (2019), de Ari Aster, para passar a ser percebido como lar do novo terror indie.

Só que o estúdio é muito mais abrangente, ambicioso e premiado do que parece à primeira vista.

Em 2015, o A24 entrou pela primeira vez no radar da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas dos EUA, com indicações para o drama "O Quarto de Jack", a sci-fi "Ex Machina" e o documentário de "Amy", todos premiados em uma categoria cada um. E, no ano seguinte, o estúdio venceu o prêmio principal com "Moonlight: Sob a Luz do Luar".

Desde então, o A24 esteve sempre presente, pelo menos com um indicado nos prêmios da Academia, destacando-se com produções como "Lady Bird: A Hora de Voar" (2017), "Minari: Em Busca da Felicidade" (2020) e "A Tragédia de Macbeth" (2022). Até que, neste ano, o estúdio teve o maior número de indicações da sua curta história.

Grande parte dessas indicações se dá pelo recordista da edição, "Tudo em Todo Lugar ao Mesmo Tempo", nomeado 11 vezes, incluindo para Melhor Filme, Melhor Direção e Melhor Atriz (para Michelle Yeoh) - o que também ajudou essa edição do Oscar a ter uma maior representatividade asiática.

Outros filmes do A24 que também receberam indicações em 2023 foram "A Baleia", concorrendo nas categorias de Melhor Ator (para Brendan Fraser), Melhor Atriz Coadjuvante (Hong Chau) e Melhor Maquiagem e Penteado, "Aftersun", indicado ao prêmio de Melhor Ator (para Paul Mescal), "Passagem", que garantiu a Brian Tyree Henry uma nomeação a Melhor Ator Coadjuvante, "Close" (indicado a Melhor Filme Internacional) e "Marcel the Shell With Shoes On" (Melhor Animação).

"É extremamente gratificante ver um filme como 'Tudo em Todo Lugar ao Mesmo Tempo' reconhecido de forma tão grande, nossas primeiras indicações nas categorias Internacional e Animação e os oito maravilhosos atores que receberam suas primeiras indicações ao Oscar", disse o estúdio em comunicado. "Foi uma manhã muito emocionante e é uma prova do talento incrível com quem temos a sorte de trabalhar."

Vale destacar que a Disney está reivindicando a vitória como o estúdio com maior presença ao Oscar 2023, com 22 nomeações ao total. Mas essas indicações são diluídas entre as várias divisões do conglomerados, como Searchlight, 20th Century Studios, Marvel Studios e Pixar.

A cerimônia do Oscar vai acontecer em 12 de março no Dolby Theatre, em Los Angeles, EUA, com apresentação de Jimmy Kimmel.

Pipoca Moderna Pipoca Moderna
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade