PUBLICIDADE

'A vida de Adèle' é premiado pela imprensa estrangeira em Cannes

25 mai 2013 15h47
| atualizado às 15h47
ver comentários
Publicidade

O filme A vida de Adèle, do franco-tunisiano Abdellatif Kechiche, que relata a história de um amor entre lésbicas, recebeu neste sábado o prêmio Fipresci concedido pela crítica estrangeira, anunciaram os organizadores.

Léa Seydoux e Adèle Exarchopoulos estrela 'A Vida de Adèle'
Léa Seydoux e Adèle Exarchopoulos estrela 'A Vida de Adèle'
Foto: Getty Images

O filme em que a jovem Adèle Exarchopoulos, até agora quase desconhecida, divide a tela com Léa Seydoux, contém cenas de sexo explícito e está entre os favoritos para a premiação final do Festival de Cannes, que será entregue no domingo.

Na sessão Um Certo Olhar, a Fipresci (Federação Internacional de Imprensa Cinematográfica) recompensou Dast Neveshtehaa Nemisoozand, do iraniano Mohammad Rasoulof.

Na Quinzena dos Realizadores e na Semana da Crítica, os críticos internacionais premiaram Blue Ruin, do norte-americano Jeremy Saulnier, exibido na Quinzena.

AFP Todos os direitos de reprodução e representação reservados. 
Publicidade
Publicidade