PUBLICIDADE

Polícia fecha loja que fazia credenciais falsas em shopping na zona sul do Rio; falsificações valiam R$ 3 mil

Gerente e dois funcionários foram levados para a base da Sapucaí para prestar esclarecimentos

11 fev 2024 - 12h04
(atualizado às 13h25)
Compartilhar
Exibir comentários
Foto: Reprodução: TV Globo

A Polícia Civil do do Rio de Janeiro fechou neste sábado, 10, uma loja de cópias no Shopping Rio Sul, localizado em Botafogo, zona sul da cidade. No estabelecimento, os suspeitos imprimiam e plastificam credenciais falsas do sambódromo

De acordo com informações da TV Globo, agentes da base avançada da Sapucaí chegaram à referida loja com base em informações fornecidas pela Liga Independente das Escolas de Samba (Liesa).

Conforme apurado nas investigações, proprietários de credenciais legítimas forneciam ou comercializavam o QR-Code para os falsificadores. Na loja, esse QR-Code era reproduzido em diversas cópias, e os passes falsificados eram confeccionados com as fotografias dos "credenciados" No esquema, uma credencial falsa chega a ser vendida por até R$ 3 mil.

Na avenida não há limitações no uso de QR-Codes nas catracas, por isso não havia forma de identificar se um passe era verdadeiro ou não.

“Agora vamos dar prosseguimento à investigação para tentar descobrir qual é a gráfica que produzia a arte, quem entrega o QR-Code para que seja feita a falsificação e as pessoas que compraram. Sabemos que essa é apenas a ponta do esquema”, diz o coordenador da Projeção da Polícia Civil na Sapucaí, delegado André Neves.

A gerente e dois funcionários foram levados para a base da Sapucaí para prestar esclarecimentos. Eles serão responsabilizados por falsificação de documento privado.

Fonte: Redação Terra
Compartilhar
Publicidade
Publicidade