PUBLICIDADE

Fora do carnaval? Mulher abacaxi recalcula rota após golpe de ex

6 dez 2023 - 14h52
(atualizado em 29/12/2023 às 13h15)
Compartilhar
Exibir comentários

Para desfilar é preciso desembolsar uma boa quantia com fantasias e a preparação. Na empolgação, Marcela Porto, conhecida como Mulher Abacaxi, fechou com quatro agremiações para desfilar no carnaval carioca em 2024.

Foto: Reprodução/ Instagram / The Music Journal

Ela é rainha da União de Maricá, musa da "Em Cima da Hora, ambas da Série Ouro, rainha de bateria da GRES. Chatuba de Mesquita, que desfila na Série Bronze do Rio. Além disso, ela é musa da Vila Kennedy, do Grupo de Avaliação.

Contudo, o colunista Daniel Nascimento, do jornal O Dia, descobriu que a beldade pode ficar de fora da folia por causa de problemas pessoais e financeiros.

"Esse ano foi muito pesado. Me separei do meu ex-marido. Depois ele gastou, sem minha autorização, R$ 40 mil no meu cartão de crédito e minha empresa não vive a melhor fase", comentou ela com o jornalista.

Vale lembrar que Abacaxi é proprietária de uma empresa de transporte de minérios, que conta com 8 caminhões e uma retroescavadeira sediada em Maricá, na Região Metropolitana do Rio de Janeiro. Questionada como andava os negócios, segundo ela, em sua região já não há tanta demanda como antes.

"O movimento na área de minérios em Maricá caiu muito. Não faço tantas entregas quanto antes. A construção civil está devagar. Com aumento das fantasias, os estilistas cobram absurdos. Com isso, eu penso em desistir. Eu amo muito a folia, tanto que fechei com 4 escolas, mas o gasto é muito alto. Carnaval não é pra quem quer, é para quem pode. Já foi época que me endividava para me divertir. Até vendia dois caminhões, mas o carnaval acabava e os boletos continuavam", finaliza.

The Music Journal The Music Journal Brazil
Compartilhar
Publicidade
Publicidade