PUBLICIDADE

Sem motorista: Nissan quer lançar táxi autônomo no Japão em 2027

Montadora japonesa pretende iniciar testes de minivan autônoma, baseada no modelo Serena, em abril

29 fev 2024 - 10h31
(atualizado em 4/3/2024 às 16h46)
Compartilhar
Exibir comentários
Nissan Easy Ride
Nissan Easy Ride
Foto: Nissan / Guia do Carro

Pense na seguinte cena: uma pessoa na cidade japonesa de Yokohama chama um táxi. Ela entra no automóvel e indica o destino desejado. Até aí, nenhuma novidade, não é mesmo? Contudo há um detalhe entre o volante e o banco da frente que faz toda a diferença: a ausência do motorista.

Esse pode parecer um cenário futurista, mas, segundo a Nissan tem data para acontecer – e nada distante. A montadora anunciou nesta quarta-feira, 28, que pretende lançar seus táxis autônomos no Japão em abril de 2027.

O objetivo da Nissan é testar esse modelo de serviço comercial já a partir de abril deste ano, utilizando minivans baseadas no modelo Serena em uma área de Yokohama, a aproximadamente 50 quilômetros da capital japonesa, Tóquio.

Nissan Serena
Nissan Serena
Foto: Nissan / Guia do Carro

Muito mais do que atender a uma tendência de mercado em alguns países, a estratégia da Nissan busca suprir a uma necessidade local de mobilidade. "As comunidades (no Japão) têm enfrentado vários desafios de mobilidade, como escassez de motoristas, que são resultado de uma população envelhecida", disse a Nissan em comunicado à imprensa.

Segundo a Nihon Bus Association, a estimativa é de que haverá uma escassez de 36.000 motoristas de ônibus no Japão em 2030. Além disso, o país possui a maior proporção de idosos no mundo: 29,1% da população do país tem, ao menos, 65 anos.

Em abril do ano passado, o Japão passou a permitir o tráfego de veículos autônomos de nível quatro em estradas públicas, mais especificamente em rotas pré-determinadas e áreas pouco povoadas. Vale destacar que esse é o segundo maior grau de direção autônoma, em uma escala que vai de zero a cinco.

Nissan Easy Ride
Nissan Easy Ride
Foto: Nissan / Guia do Carro

Aliás, a Nissan tem testado modelos de negócios para serviços de mobilidade no Japão e na Europa desde 2017. Essas vizinhanças incluem a área de Minato Mirai, em Yokohama, e a cidade de Namie, província de Fukushima, na qual um serviço de mobilidade tripulado, o Namie Smart Mobility, está em operação desde 2021.

Além do país asiático, a montadora possui testes de mobilidade autônoma em Londres, com apoio do governo do Reino Unido.

Guia do Carro
Compartilhar
Publicidade
Publicidade