PUBLICIDADE

X-Men inspiram o novo universo de Transformers e Comandos em Ação

A nova continuidade de Transformers e Comandos em Ação foi inspirada reboot dos X-Men de Jonathan Hickman

29 nov 2023 - 21h01
(atualizado em 30/11/2023 às 12h46)
Compartilhar
Exibir comentários

Quando a fase dos X-Men de Jonathan Hickman, a chamada "Era Krakoana", começou em 2019, tudo mudou completamente, de uma maneira curiosamente familiar. O modelo de publicação, a relevância de personagens esquecidos e o senso de urgência trouxeram os Filhos do Átomo definitivamente para o século 21. E o Universo Energon, a nova continuidade compartilhada de Transformers e Comandos em Ação, vai seguir essa mesma fórmula.

Foto: Skybound Entertainment / Canaltech

Os X-Men de Hickman trouxeram um interessante modelo de publicação: toda a série inicial nasceu a partir de dois títulos, House of X e Powers of X, duas minisséries com temas conectados e diferentes. A partir de cada uma, o cantinho dos mutantes foi se desmembrando em diversos outras revistas, sempre orientados pelo lançamento inicial — ou seja, você podia acompanhar apenas os gibis principais ou acompanhar todos os desdobramentos da nova fase em diversos outros quadrinhos.

Duke e os Comandos em Ação foram reformulados (Imagem: Reprodução/Skybound Entertainment)
Duke e os Comandos em Ação foram reformulados (Imagem: Reprodução/Skybound Entertainment)
Foto: Canaltech

Em seguida, Hickman trouxe todos os mutantes de volta, dos mais irrelevantes até os mais importantes, e os reposicionaram cuidadosamente por toda nova nação, formada a partir da ilha viva Krakoa. Os Filhos do Átomo ganharam uma cultura própria, vibrante e irresistível, que tornou a franquia dos X-Men uma nova pérola cheia de aventura e sci-fi complexo.

É mais ou menos por um caminho parecido como esse que o Universo Energon quer seguir.

Comandos em Ação se inspira em X-Men?

O escritor Joshua Williamson, responsável pela nova continuidade compartilhada de Transformers e Comandos em Ação no Universo Energon, da Skybound Entertainment, falou sobre como será essa nova dinâmica entre as franquias, durante entrevista ao programa Comic Tropes. "(Jonathan) Hickman fez essa coisa com os X-Men… Ele tinha [House of X/Powers of X], que eram esses dois livros diferentes, paralelos um ao outro", recordou.

"São dois livros que podem ser lidos de forma independente, mas se você os ler juntos, verá que é uma única história", destaca, dizendo que esse modelo de publicação e forma de contar histórias é uma influência nos novos títulos de Comandos em Ação.

As minisséries de Duke e Comandante Cobra vão contar uma grande história de maneiras diferentes (Imagem: Reprodução/Skybound Entertainment)
As minisséries de Duke e Comandante Cobra vão contar uma grande história de maneiras diferentes (Imagem: Reprodução/Skybound Entertainment)
Foto: Canaltech

Muito parecido com House of X e Powers of X, a minissérie Duke e Cobra Commander acabará por contar uma grande história. "É sobre esses dois personagens que estão em rota de colisão um com o outro", complementa, confirmando que reposicionamento de heróis e vilões, assim com o senso de urgência, devem ser também apelos "emprestados" dos X-Men de Hickman.

Duke #1 tem lançamento programado para 27 de dezembro nas bancas gringas.

Trending no Canaltech:

Canaltech
Compartilhar
Publicidade
Publicidade