PUBLICIDADE

Telegram libera monetização em canais com mais de 1 mil pessoas

Agora já é possível ganhar dinheiro com canais de transmissão no Telegram, basta ter pelo menos mil inscritos na plataforma

1 abr 2024 - 17h27
(atualizado às 21h42)
Compartilhar
Exibir comentários

O Telegram confirmou que agora é possível monetizar canais de transmissão com pelo menos 1 mil inscritos na plataforma e produtores de conteúdo ganharão 50% da receita gerada a partir de anúncios exibidos nos chats. O pagamento será feito através da plataforma de blockchain The Open Network (TON), que promete o resgate dos valores de forma rápida e segura.

Foto: Divulgação/Telegram / Canaltech

Opções na hora de receber o pagamento

De acordo com o comunicado do mensageiro, os donos de canais que receberem valores pelo TON terão mais de uma opção na hora de receber a quantia. É possível sacar as recompensas sem nenhuma taxa, mas também investir em anúncios do Telegram, nomes de usuários colecionáveis ou sorteios de Premium pelo Fragment — plataforma de blockchain dos mesmos donos do Telegram.

Segundo a empresa, a escolha do TON ocorreu porque "possui taxas baixas, altas velocidades de transação — e detém um recorde do número de transações que pode processar por segundo".

Além disso, a companhia destaca que os anúncios são "exibidos apenas em grandes canais públicos e nunca aparecem nas conversas comuns, lista de conversas ou outras telas do aplicativo".

Vale lembrar que se você não quiser ver nenhum tipo de anúncio no mensageiro, a única opção é assinar o Telegram Premium, que remove propagandas e oferece recursos, como maior velocidade de downloads e figurinhas exclusivas.

Tela de saldo do Telegram (Imagem: Divulgação/Telegram)
Tela de saldo do Telegram (Imagem: Divulgação/Telegram)
Foto: Canaltech

Telegram Business está liberado para todos

Mesmo que a versão comum do mensageiro foi lançada em 2013, apenas em 2024 que as contas comerciais foram liberadas pela plataforma. Dessa maneira, já é possível transformar um perfil pessoal em uma conta do Telegram Business.

A novidade começou a ser disponibilizada no início de março, mas desde o domingo (31) qualquer pessoa passou a poder realizar a mudança de perfil no aplicativo. Essa opção traz funções importantes para um comércio, como horário de atendimento, endereço, respostas rápidas, mensagens automatizadas, página de início personalizada e compatibilidade com chatbots.

O Telegram Business custa a partir de R$ 15,90 no plano mensal ou R$ 119,90 na assinatura anual (o equivalente a R$ 9,99 por mês) — confira um comparativo entre as versões Business de Telegram e WhatsApp. Também vale saber como deixar o aplicativo de mensagens mais seguro.

Trending no Canaltech:

Canaltech
Compartilhar
Publicidade
Publicidade