PUBLICIDADE

Hubble entra no modo de segurança pela 3ª vez em só um mês

Segundo a NASA, o telescópio Hubble está no modo de segurança desde 23 de novembro devido a uma falha em um giroscópio. As operações científicas estão suspensas

30 nov 2023 - 17h40
(atualizado às 21h25)
Compartilhar
Exibir comentários

O telescópio Hubble está operando no modo de segurança outra vez. Segundo um comunicado publicado pela NASA na quarta-feira (29), as operações científicas estão suspensas desde o dia 23, dia em que o observatório entrou no modo automaticamente. Apesar do ocorrido, ele está em bom estado.

Foto: NASA / Canaltech

Desta vez, um dos três giroscópios (dispositivos que determinam a direção para qual está apontado) dele apresentou leituras incorretas, que o fizeram entrar no modo de segurança. Este modo faz parte dos sistemas de naves espaciais e satélites, e é ativado assim que alguma anomalia é detectada para evitar que danos maiores aconteçam.

O giroscópio já apresentou falhas outras vezes. No dia 19 de novembro, as leituras incorretas fizeram o Hubble entrar automaticamente no modo de segurança, e suas operações foram retomadas no dia seguinte.

O Hubble já entrou no modo de segurança em outras vezes nos últimos dias (Imagem: Reprodução/NASA)
O Hubble já entrou no modo de segurança em outras vezes nos últimos dias (Imagem: Reprodução/NASA)
Foto: Canaltech

Algo semelhante aconteceu no dia 21, forçando o telescópio a retornar ao modo; felizmente, ele logo retomou suas atividades. Mas, desta vez, o problema voltou e persiste desde o dia 23. "Enquanto está no modo de segurança, as operações científicas estão suspensas e o telescópio espera por novas direções em solo", escreveram os membros da agência espacial.

No momento, a equipe do telescópio está fazendo testes para saber mais sobre o problema e descobrir como resolvê-lo. Se necessário, o Hubble pode ser configurado para funcionar com apenas um giroscópio. "O Hubble usa três giroscópios para maximizar sua eficiêcia, mas pode continuar realizando osbervações científicas com apenas um, se necessário", explicou a NASA.

Esta não é a primeira vez que o Hubble dá "sustos" nas equipes. Um incidente parecido aconteceu em 2018, quando dois dos seis giroscópios do Hubble apresentaram falhas e ele entrou no modo de segurança. Já em 2021, um problema de software causou um desfecho parecido.

Lançado a bordo do ônibus espacial Discovery em 1990, o telescópio Hubble já soma mais de 30 anos de operação, e estes e outros problemas sinalizam o desgaste no telescópio. Paul Hertz, diretor da divisão de astrofísica da NASA, observou que erros detectados em 2021 são "alguns problemas típicos de uma espaçonave que está envelhecendo".

Fonte: NASA

Trending no Canaltech:

Canaltech
Compartilhar
Publicidade
Publicidade