PUBLICIDADE

Fotos da NASA mostram asteroide que passou perto da Terra

O asteroide 2008 OS7 passou perto da Terra neste mês. A NASA aproveitou o momento para tirar fotos do objeto, coletando mais dados sobre seu tamanho e estrutura

28 fev 2024 - 12h39
(atualizado às 15h33)
Compartilhar
Exibir comentários

O sistema de radar da NASA tirou fotos do asteroide 2008 OS7, considerado potencialmente perigoso. A rocha espacial se aproximou do nosso planeta no início do mês, ficando a 2,9 milhões de quilômetros de nós — o equivalente a 7,5 vezes a distância entre a Terra e a Lua

Foto: N. Bartmann, ESO/M. Kornmesser, S. Brunier, N. Risinger / Canaltech

Apesar de a distância ser considerada curta em termos astronômicos, não havia risco de o asteroide atingir a Terra. Então, os cientistas do Laboratório de Propulsão a Jato (JPL), da NASA, aproveitaram para tirar fotos dele um dia antes da aproximação máxima do nosso planeta. 

Eles usaram o Sistema de Radar Solar Goldstone (GSSR), muito utilizado em investigações do Sistema Solar. Com o dispositivo, produziram uma série de imagens do asteroide, que os ajudaram a descobrir mais sobre ele. 

Asteroide 2008 OS7 registrado por radar da NASA antes de se aproximar da Terra (Imagem: Reprodução/NASA/JPL-Caltech)
Asteroide 2008 OS7 registrado por radar da NASA antes de se aproximar da Terra (Imagem: Reprodução/NASA/JPL-Caltech)
Foto: Canaltech

Até então, o objeto estava longe demais para que sistemas de radares planetários pudessem tirar fotos dele. Agora, o GSSR ajudou os cientistas a saber mais sobre seu tamanho, rotação, formato e detalhes da sua superfície.

Segundo a NASA, eles descobriram que o asteroide tem superfície mista, onde regiões arredondadas e angulares se misturam em meio a uma pequena concavidade. Eles também descobriram que o asteroide mede entre 150 m e 200 m de diâmetro, ou seja, é menor do que as estimativas anteriores indicavam. 

Além disso, o radar revelou medidas importantes da distância entre o asteroide e a Terra. Com estes dados, os cientistas do Centro de Estudos de Objetos Próximos da Terra, da NASA, podem refinar os cálculos da trajetória da rocha ao redor do Sol. 

Já se sabe que o 2008 OS7 completa uma volta ao redor do astro a cada 2,6 anos. Como mede mais de 140 m de diâmetro e sua órbita é próxima daquela do nosso planeta, o asteroide é classificado como potencialmente perigoso.

Fonte: NASA

Trending no Canaltech:

Canaltech
Compartilhar
Publicidade
Publicidade