PUBLICIDADE

Com essas dicas você se torna vegano e economiza muito dinheiro

Sabe aquela história de que o veganismo é caro? Com essas dicas, você consegue economizar dinheiro.

26 out 2023 - 08h00
Compartilhar
Exibir comentários
Não existe melhor opção para substituir produtos de origem animal, do que os alimentos vegetais
Não existe melhor opção para substituir produtos de origem animal, do que os alimentos vegetais
Foto: CanvaPro

Vivemos em um país onde a diversidade é tão grande que não é possível fazer generalizações. Em cada região do país temos uma variedade de preços, ingredientes, produtos, raízes, frutas, grãos e cereais.

Portanto, sempre que falarmos sobre dicas práticas para economizar dinheiro sendo vegano, temos que lembrar que obrigatoriamente vamos ter que adaptar a nossa realidade aos recursos disponíveis para a localização que vivemos.

Um exemplo, moramos quase 2 anos no interior do Ceará, mais precisamente em Juazeiro do Norte, terra de Padre Cícero. Lá, conseguíamos fazer queijos de castanha quase todos os dias. O mamão, o abacaxi e a banana eram tão baratos que com R$ 20,00 comíamos frutas em quantidade a semana toda.

Já de volta ao estado de São Paulo, quase não comemos mamão e abacaxi, que dirá fazer queijo de castanha com frequência. Então, a região que estamos vivendo diz muito, e antes de generalizarmos temos que levar isso em consideração.

Evite produtos ultraprocessados de qualquer espécie:

Com essa dica, não importa a região que você está morando. Retirando produtos ultraprocessados do carrinho, o valor diminui quase pela metade. São os produtos embalados, enlatados, processados que encarecem qualquer compra, seja ela de origem animal ou não.

Ao invés de comer fora, prepare em casa:

Eu sei que aqui, muita gente vai pensar: ''não tenho tempo, não sei fazer comida bem feita, tenho preguiça. No meu momento, sem fazer nada, quero é mais pedir comida mesmo''. Entendo, se tiver muito dinheiro sobrando, por que não?!

No entanto, quando fazemos as contas e colocamos na ponta do lápis, os valores são tão distantes, tão absurdos que não há preguiça que vai me fazer comer fora se o meu objetivo é economizar dinheiro.

Um exemplo recente, passamos o dia todo em um parque de diversões, para comer no parque, até tinha opções sem nada de origem animal, mas em 4 pessoas gastaríamos pelo menos R$ 200,00 em lanches, fritas, salgados, bebidas, mas ao invés de comprar comida no lugar que visitamos, decidimos preparar os lanches em casa.

Como não queríamos comer qualquer coisa, fizemos um hambúrguer caseiro bem temperado, fizemos queijo de castanha (no estado de São Paulo) e tomates, por incrível que pareça 10 lanches saiu por R$ 60,00. Comemos muito bem, nos divertimos e economizamos muito.

Frutas e vegetais da estação:

Compre frutas e vegetais da região, sobretudo da estação correta. Por conta da estação, a produção é mais expressiva, consequentemente o preço é mais barato. Um exemplo, é a ponkan, mexerica, e a morgote, que o preço cai drasticamente no inverno.

Vegano Periférico Leonardo e Eduardo dos Santos são irmãos gêmeos, nascidos e criados na periferia de Campinas, interior de São Paulo. São midiativistas da Vegano Periférico, um movimento e coletivo que começou como uma conta do Instagram em outubro de 2017. Atuam pelos direitos humanos e direitos animais por meio da luta inclusiva e acessível, e nos seus canais de comunicação abordam temas como autonomia alimentar, reforma agrária, justiça social e meio ambiente.
Compartilhar
Publicidade
Publicidade