PUBLICIDADE

Estados Unidos iniciam testes de nova vacina experimental contra HIV em humanos

Dados iniciais da fase 1, realizada com cerca de 100 participantes, devem ser apresentados no segundo semestre de 2024

21 set 2023 - 10h28
Compartilhar
Exibir comentários

Uma nova vacina experimental contra o vírus da imunodeficiência humana (HIV) começa a ser testada em humanos, conforme anunciou na quarta-feira, 20, a companhia norte-americana de imunologia Vir Biotechnology. A empresa espera ter os dados iniciais do teste de fase 1 no segundo semestre de 2024.

"O primeiro participante foi dosado em um ensaio de fase 1 avaliando a segurança, reatogenicidade (capacidade de gerar reação) e imunogenicidade (resposta imune ao corpo) do VIR-1388, uma nova vacina experimental de células T para a prevenção do vírus da imunodeficiência humana (HIV)", disse a Vir Biotechnology.

O imunizante VIR-1388 é baseado na plataforma vetorial do citomegalovírus humano (HCMV) e foi projetado para estimular o corpo a produzir células imunológicas conhecidas como células T, que reconhecem várias proteínas do HIV de uma forma diferente em relação às vacinas contra o HIV pesquisadas anteriormente.

"O VIR-1388 foi desenvolvido usando aprendizados aplicados do VIR-1111, a vacina experimental inicial de células T do HIV com prova de conceito da empresa, baseada no HCMV", relatou a companhia.

"O HIV continua a ser um grande desafio de saúde pública global, sem vacinas aprovadas, apesar de décadas de esforços de investigação", disse Carey Hwang, vice-presidente sênior de investigação clínica da Vir Biotechnology.

Vacina contra o HIV, que estava em fase avançada de pesquisa, falha nos testes

Derrota prejudica chance de imunizante entre três e cinco anos, dizem especialistas; dezenas de vacinas contra o vírus causador da aids foram testadas e descartadas nas últimas décadas

Estadão
Compartilhar
Publicidade
Publicidade