0
Logo do Desfiles
Foto: terra

Desfiles

Herchcovitch reciclado e top trans na moda praia no 3° dia

Nove grifes desfilaram no terceiro dia do São Paulo Fashion Week

28 abr 2016
11h16
atualizado às 11h37
  • separator
  • 0
  • comentários

Herchcovitch para nova marca, moda praia, quimono, Batman e até modelo transexual desfilando de biquíni foram os destaques do terceiro dia da 41ª edição do São Paulo Fashion Week, que acontece na Bienal do Ibirapuera. A transexual amazonense Camila Ribeiro desfilou para a Triya. Mas quem achava que ia ver a moça de maiô oi biquini, se enganou. Com 39 desfiles, a semana de moda paulista termina nesta sexta-feira (29). Os nove desfiles da última quarta-feira (28) foram marcados pelo ecletismo. Confira.

Patchwork

A Triya mostrou um longo desfile com maiôs, biquínis e hot pants muito decorados. Mais de 20 estampas compõem a cartela, com referências ao deserto, sol, serpente, infinito, céu, lua etc. Enfeites como argolas de madeira e tassel (os pingentes de cortinas) também entravam nesse patchwork de imagem. A maioria das peças deixava muita pele à mostra, para mulheres corajosas e ousadas, A modelo transexual Camila Ribeiro entrou com um vestido curto de decote profundo, tipo regata, e top com estampa.

A modelo transexual Camila Ribeiro desfila de vestido curto para a Triya
A modelo transexual Camila Ribeiro desfila de vestido curto para a Triya
Foto: Francisco Cepeda / AgNews

Reciclado

O estilista Alexandre Herchcovitch, depois que saiu da grife que leva seu nome, produziu uma coleção com alguns tecidos e peças recicladas para a marca À La Garçonne, de seu marido Fabio Souza, uma loja de decoração e objetos vintage. Jaquetas militares e perfecto de couro e bolsas antigas foram pintadas à mão, com motivos náuticos. Neoprene, lã e sarja reciclada também foram usados pelo estilista, Na plateia, Tufi Duek e Marcelo Sommer, em carne e osso, estilistas que também perderam suas marcas, foram prestigiar o amigo. O designer provou que sabe fazer bem seu ofício, seja com matérias nobres, seja com antigos.

Jaqueta perfecto reciclada e pintada à mão no desfile da de Alexandre Herchcovitch para a marca À La Garçone
Jaqueta perfecto reciclada e pintada à mão no desfile da de Alexandre Herchcovitch para a marca À La Garçone
Foto: Francisco Cepeda / AgNews

Sem gênero

O estilista Vitorino Campos abriu os trabalhos apresentando uma coleção clean, limpa e com várias peças possíveis de ser usadas por meninos e meninas. Amarrações, sobreposições e peças feitas a partir da estrutura das camisas, com recortes e shapes diferenciados. Xadrezes, branco, azul claro e alguns tons terrosos foram a base da cartela de cores.  O jeans também foi usado pelo estilista, que é responsável ainda pelo estilo da Animale, que pulou esta edição. A tradicional jaqueta jeans ganhou proporções maiores e funciona quase como um casaco.

Vitorino Campos apostou em uma coleção com peças que podem ser usadas por meninas e meninos
Vitorino Campos apostou em uma coleção com peças que podem ser usadas por meninas e meninos
Foto: Leo Franco / AgNews

Anos 80

Com referência na cultura pop e Prince na trilha sonora, Reinaldo Lourenço voltou aos anos 80 com uma coleção em que mistura street style, grafismos, pop art e a alfaiataria, que ganha vida com o jogo de justos e largos. Entre os destaques, os vestidos tubinhos, feitos com faixas de paetê, que alongam a silhueta feminina ao mesmo tempo em que impõem glamour sem exagero. Tiras douradas, pretas e brancas coloriam as peças. A camisa branca usada com calça preta, no mais básico dos looks, ganha sofisticação com um simples echarpe amarrado no pescoço. E o casaco branco de jacquard quadriculado de forma mínima vem com debruns pretos traspassados.

O desfile contou com referências da cultura pop e Prince na trilha sonora
O desfile contou com referências da cultura pop e Prince na trilha sonora
Foto: Francisco Cepeda / AgNews

Alices

Isabela Capeto voltou ao SPFW, depois de pular a edição de inverno, para apresentar uma coleção inspirada no filme da Disney Alice Através do Espelho, O Tempo, que estreia em maio. Com looks românticos, pero no mucho, a estilista carioca mostra uma Alice não tão pura, com piercing no nariz e muita transparência. A maioria com cabelões armados e longos, cujos apliques foram preparados pelo maquiador Max Weber. "Tingi todos da cor exata do cabelo de cada modelo. Passei o dia preparando os apliques, que prendi com fivela tic-tac”, explicou o profissional. 

Isabela Capeto se inspirou no filme da Disney 'Alice Através do Espelho, O Tempo' para sua coleção de 2017 na 41ª edição do SPFW
Isabela Capeto se inspirou no filme da Disney 'Alice Através do Espelho, O Tempo' para sua coleção de 2017 na 41ª edição do SPFW
Foto: Francisco Cepeda / AgNews

Brocado e madeira

Valdemar Iódice se inspirou na irmã mais nova de Jacqueline Kennedy, Caroline Lee Radziwill, tida como ícone da elegância nos anos 60 e 70, a partir das fotos do livro de recordações Happy Times. Na passarela, uma coleção eclética, que começou com uma saia e uma camisa jeans. Depois, várias imagens diferentes: quimonos longos estampados com aves, calças jeans com pingentes de cima a baixo, peças feitas com tecido brocado dourado, vestidos fluidos numa cor só, como azul e bordô.  Muitas das peças vinham com argolas de madeiras, maiores e menores. Nos sapatos, os saltos de bambu merecem ser observados.

A Iódice veio com uma coleção eclética e com inspiração nos anos 60 e 70
A Iódice veio com uma coleção eclética e com inspiração nos anos 60 e 70
Foto: Francisco Cepeda / AgNews

Viagem ao Japão

Com várias tops na passarela, Lenny Niemeyer fez uma deslumbrante viagem ao Japão. Bruna Tenório, Alicia Kucsman, Renata Kuerten, Carol Ribeiro, Daiane Conterato e Vivi Orth, com as sobrancelhas apagadas, exibiram lindas estamparias japonesas, com garças, tigre, peixes e ondas em maiôs, jaquetas bomber e quimonos. São modelagens longas e fluidas para serem usados sobre as peças de moda praia. A suntuosidade das estampas fez contraponto aos maiôs em tonalidades de marrons no final, com amarrações de cordas inspiradas na arte Shibari. Uma das mais belas coleções apresentadas nesta edição.

Com sua moda praia, a Lenny Niemeyer fez uma viagem ao Japão
Com sua moda praia, a Lenny Niemeyer fez uma viagem ao Japão
Foto: Francisco Cepeda / AgNews

Amarradas

Com Lucy Ramos na passarela, o estilista Samuel Cirnansck mostrou o que sabe fazer: vestidos suntuosos, ricamente bordados para festas e casamentos chiques. Relembrou em alguns momentos seu desfile de 2011, em que as modelos vestidas de noiva apareciam com as mãos atadas para trás e amordaçadas. Dessa vez, mais sutil, com apenas um fita nos punhos ou na boca e uma rosa nas mãos.

Samuel Cirnansck veio com vestidos para festas e casamentos
Samuel Cirnansck veio com vestidos para festas e casamentos
Foto: Francisco Cepeda / AgNews

Batman

A Ellus 2nd Floor transformou a passarela num beco com grafites, cercas de arame, cones de trânsito para criar um Gotham City das séries clássicas do Batman de 1966. Os heróis dessa obscura cidade dominada pelo crime surgem em detalhes, como nas bolsas com a cara de Batman, nos vestidos-camiseta de paetês, onde Robin e Curinga estão estampados. O ponto de impacto da coleção são as estampas de grafite, que surgem sobre tons de amarelo e cinza, assinadas pelo artista Tico Canatto. Toda a coleção estará à venda a partir desta quinta-feira (28) na loja pop-up da marca no Shopping Iguatemi.

A Ellus 2nd Floor recriou Gotham City na passarela
A Ellus 2nd Floor recriou Gotham City na passarela
Foto: Francisco Cepeda / AgNews

 

Fonte: Ponto a Ponto Ideias Ponto a Ponto Ideias
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade