PUBLICIDADE

Azulejos estampados e cores trazem personalidade a apê de 100 m²

A arquiteta Carolina Munhoz repaginou o imóvel em São Paulo para adequar ao gosto da moradora que não tinha sensação de pertencimento na própria casa

20 abr 2024 - 13h34
(atualizado em 24/4/2024 às 02h37)
Compartilhar
Exibir comentários

"A moradora é uma mulher solteira, que comprou este apartamento para ser seu refúgio, seu local de descanso, onde pode tomar um bom chá, ler, reunir as amigas num clube de leitura e desenhar ou pintar", explica a arquiteta Carolina Munhoz sobre este projeto de 100 m², que assina na Vila Madalena (SP). A profissional foi chamada para deixar o imóvel mais a cara da cliente que, após a mudança feita em plena época de pandemia, não tinha uma sensação de pertencimento na própria casa.

-
-
Foto: Renato Navarro/Divulgação / Casa.com

Entre as principais demandas solicitadas, melhorar a circulação dos ambientes, propiciar mais espaços para receber, criar um home office, valorizar a vista e utilizar o espaço da varanda foram os itens listados nos pedidos. O primeiro passo foi integrar a sala com a cozinha, criando maior amplitude com a divisão do sofá modular em dois - dessa forma, ambos os móveis desobstruem a janela e criam um confortável espaço para bate-papos.

-
-
Foto: Renato Navarro/Divulgação / Casa.com

A varanda, que era apenas uma área pequena, ganhou um jardim com vasos e móveis pensados para receber, ler, desenhar, pintar, ou apenas observar a vista. Aqui, as luminárias de piso também deixam o ambiente mais aconchegante.

-
-
Foto: Renato Navarro/Divulgação / Casa.com

Para a cozinha, que, segundo a moradora, tinha um ar masculino, a arquiteta especificou azulejos decorados na área do backsplash: o modelo com fundo branco tem desenhos de lua arredondados, que evocam formas mais femininas. O efeito da pedra preta é também amenizado com a madeira e a marcenaria colorida.

-
-
Foto: Renato Navarro/Divulgação / Casa.com

Já o lavabo foi revitalizado com azulejos em tons de rosé, vermelho e amarelo, bem coloridos e iluminados, numa referência à arte, já que a moradora pinta e desenha. O resto da paleta do projeto é composta por azul, verde, branco e preto, com mostarda e rose bem pontuais.

-
-
Foto: Renato Navarro/Divulgação / Casa.com

Como o apartamento não tinha uma sala de jantar, foi criada uma nova uma com mesa oval, que não obstrui a fluidez da circulação integrada com o estar e a cozinha.

-
-
Foto: Renato Navarro/Divulgação / Casa.com

No ambiente que já possuía uma dupla função (quarto de hóspedes e sala de TV), o mobiliário foi rearranjado. "Desenhamos uma marcenaria para atender a nova demanda de função, agora um home office, já que a cliente passou a trabalhar em casa, após a pandemia", conta Carolina.

-
-
Foto: Renato Navarro/Divulgação / Casa.com

Na suíte, as soluções apresentadas foram pensadas para promover mais aconchego e conforto: cabeceira estofada, colocação de papel de parede e mudança de iluminação.

Veja mais fotos!

Foto: Renato Navarro/Divulgação / Casa.com
Foto: Renato Navarro/Divulgação / Casa.com
Foto: Renato Navarro/Divulgação / Casa.com
Foto: Renato Navarro/Divulgação / Casa.com
Foto: Renato Navarro/Divulgação / Casa.com
Foto: Renato Navarro/Divulgação / Casa.com
Foto: Renato Navarro/Divulgação / Casa.com
Foto: Renato Navarro/Divulgação / Casa.com
Foto: Renato Navarro/Divulgação / Casa.com
Foto: Renato Navarro/Divulgação / Casa.com
Foto: Renato Navarro/Divulgação / Casa.com
Foto: Renato Navarro/Divulgação / Casa.com
Foto: Renato Navarro/Divulgação / Casa.com
Foto: Renato Navarro/Divulgação / Casa.com
Foto: Renato Navarro/Divulgação / Casa.com
Foto: Renato Navarro/Divulgação / Casa.com
Foto: Renato Navarro/Divulgação / Casa.com
Foto: Renato Navarro/Divulgação / Casa.com
Casa.com
Compartilhar
Publicidade
Publicidade