PUBLICIDADE

Ateliê tem parede com placas de quartzito, sala íntima e home office

O estúdio TM Arquitetura, de Thiago Menin e Caroline Oliveira, junto de Natalia Melina, traz o projeto "Ateliê Veredas" para a Campinas Decor.

13 abr 2024 - 21h30
Compartilhar
Exibir comentários

O estúdio TM Arquitetura, que contou com a cocriação dos arquitetos Thiago Menin e Caroline Oliveira, além da designer Natalia Melina, apresenta o projeto " Ateliê Veredas", com uma área de 47,2m², para a Campinas Decor.

-
-
Foto: Nathan Caramaschi/Divulgação / Casa.com

A 'persona' para quem o projeto foi criado é uma artista plástica, casada, com três filhos e um pet. Antes de consolidar sua família e retornar ao Brasil, fez mestrado na Europa, o que a levou a conhecer diversos países do continente, enquanto tinha residência fixa em Madrid. O ambiente foi arquitetado atendendo às necessidades da proprietária, que gosta de pintar,  é colecionadora de obras de arte e demandava um local de trabalho e, ao mesmo tempo, de descanso. Foram concebidos então três locais no projeto: um office, um ateliê e uma sala íntima, cada um deles com destaque especial.

-
-
Foto: Nathan Caramaschi/Divulgação / Casa.com

Para o home office, foi aplicada uma iluminação mais aprimorada, além de luzes indiretas, com pontos focais com abajur. O destaque é a ampla estante, que comporta livros de pesquisa, peças de coleção artística e um estoque de telas. O móvel foi realizado em chapa laminada, fio de aço carbono, de quatro milímetros de espessura, que a camufla no ambiente, ocultando o sistema de fixação, trazendo leveza ao ambiente. A composição do mobiliário também traz as curvas, mas que acontecem a partir de linhas retas, como a mesa, acompanhada de poltronas mais geométricas e arredondadas.

-
-
Foto: Nathan Caramaschi/Divulgação / Casa.com

Já o ateliê, foi projetado de maneira mais livre, para facilidade de higienização. As pedras naturais são as protagonistas. Placas de quartzito revestem as paredes, e um lavabo ao lado, pensado na limpeza das mãos e dos pinceis. Já o teto recebeu uma textura que é feita a partir de fragmentos de pedras naturais também preciosas de cristais. As placas de pedra também dialogam com o piso que reveste todo o ambiente. Feito com concreto arquitetônico, ele traz a estética de um travertino bruto mas com as manutenção mais baixa e maior resistência.

-
-
Foto: Nathan Caramaschi/Divulgação / Casa.com

Por último, a saleta íntima, próxima à janela, que contém um bar, um sofá, e abraça um grande tapete, onde a proprietária pode ficar descalça, mais descontraída, e ter seu momento de relaxamento. Com formato orgânico, quebra todas as linhas do espaço, que é retangular, e das chapas de pedra do ateliê, abraçando a Chess posicionada ao canto. O ambiente também recebe uma instalação artística, com uma pintura em acrílico, que remete ao lado feminino da moda, pintado em seda.

-
-
Foto: Nathan Caramaschi/Divulgação / Casa.com

"As combinações e estrutura do projeto concluem uma referência às molduras, de telas que possuem uma delimitação para desenvolver os formatos e curvas dos desenhos. Nessa complementação, o mobiliário traz um toque feminino, com alguns acabamentos e cantos com formatos orgânicos, mesclando com formatos ortogonais e retilíneas. O toque artístico ao ambiente, propõe um resultado que consolida com a proprietária em seus diferentes momentos de trabalho, lazer e inspiração artística, com funcionalidade, praticidade e versatilidade.", explica Thiago Menin.

Casa.com
Compartilhar
Publicidade
Publicidade