PUBLICIDADE

Amazon investe em iniciativas para negócios ainda mais sustentáveis no Brasil

Empresa está no caminho de suprir 100% das Operações com energia renovável até 2025

1 abr 2024 - 15h24
(atualizado às 15h46)
Compartilhar
Exibir comentários

Diante do panorama global e da necessidade urgente de ações preventivas perante as perspectivas de que os eventos climáticos extremos vão aumentar em frequência e intensidade no mundo todo, a Amazon reconhece sua responsabilidade de contribuir para um futuro melhor do planeta, fomentando iniciativas que promovam ações imediatas e maior consciência ambiental. Presente no Brasil desde 2011, a empresa está no caminho de usar energia renovável em 100% das suas Operações globais até 2025 e realizar a descarbonização de suas Operações até 2040, 10 anos antes do Acordo de Paris, em linha com a meta estabelecida quando cofundou o The Climate Pledge.

Saori Yano, da Amazon no Brasil: “temos consciência do nosso impacto e nos preocupamos com o futuro do planeta” Foto: Divulgação Amazon
Saori Yano, da Amazon no Brasil: “temos consciência do nosso impacto e nos preocupamos com o futuro do planeta” Foto: Divulgação Amazon
Foto: Divulgação Amazon / Estadão

Entre as medidas de descarbonização, está ainda a incorporação de práticas sustentáveis em suas instalações. A inovação tecnológica, combinada com a gestão inteligente, otimiza resfriamentos, aquecimentos, iluminação e ventilação, de maneira a evitar desperdícios. "Os aparelhos são controlados por sistemas de gerenciamento que garantem ambiente de trabalho confortável e ao mesmo tempo otimizam o consumo de energia. O estilo racional foi adotado também na iluminação com lâmpadas de LED, que se adaptam à disponibilidade de luz natural e à ocupação", explica Saori Yano, líder de Sustentabilidade das Operações da Amazon no Brasil.

"Na Amazon, um dos nossos Princípios de Liderança é que 'sucesso e crescimento trazem grandes responsabilidades'. Acreditamos que a construção de uma cultura acolhedora e inclusiva é essencial para nos tornarmos uma empresa que é procurada por diversos talentos profissionais", explica Daniel Mazini, Country Manager da Amazon no Brasil.

Ainda em linha com as preocupações mundiais em relação ao aquecimento global e suas consequências, a Amazon mantém o programa Amazon Disaster Relief, que aproveita a capacidade logística da empresa para fazer chegar ajuda aos locais atingidos, incluindo suporte por meio de horas voluntárias das equipes. Desde 2017, a Amazon forneceu mais de 23 milhões de itens de socorro, ajudando pessoas afetadas em mais de 108 desastres em todo o mundo.

Estadão
Compartilhar
Publicidade
Publicidade