PUBLICIDADE

Apple remove aplicativo que promove festas secretas durante a pandemia de covid-19

A plataforma americana Vybe Together anunciava 'encontros todo fim de semana' para seus milhares de usuários.

30 dez 2020 17h16
| atualizado às 17h23
ver comentários
Publicidade
O aplicativo Vybe Together afirma que organiza festas secretas todos os fins de semana
O aplicativo Vybe Together afirma que organiza festas secretas todos os fins de semana
Foto: VybeTogether/TikTok/TaylorLorenz / BBC News Brasil

Um aplicativo americano que promovia festas privadas durante a pandemia de covid-19 foi removido da Apple App Store, loja de aplicativos da empresa de tecnologia.

O Vybe Together se autodenomina uma "comunidade privada para encontrar, participar e hospedar festas".

Um vídeo recente em sua conta na rede social TikTok afirmava que a ferramenta organizava festas privadas todos os fins de semana.

Embora sua conta na plataforma, assim como seu próprio site, tenham sido retirados, a empresa promete retornar às atividades.

"A App Store nos derrubou! Nós voltaremos! Siga para se manter atualizado!", afirmou a empresa na descrição de sua conta no Instagram.

Como funciona

Os usuários do aplicativo precisavam enviar um perfil para aprovação, incluindo o identificador do Instagram, bem como fotos "festejando", relatou o portal de notícias The Verge.

Uma vez ativado, os usuários poderiam se inscrever para participar de festas. E sua participação seria aprovada pelos organizadores.

Os candidatos aprovados recebem um endereço apenas duas horas antes do evento.

Um representante do aplicativo disse ao The Verge que a ferramenta tinha alguns milhares de usuários.

"Algumas pessoas terríveis criaram um aplicativo para encontrar e promover grandes festas secretas e inseguras e estão usando o TikTok para comercializá-lo para milhões de pessoas", tuitou a repórter do New York Times Taylor Lorenz, compartilhando imagens de um vídeo promocional do aplicativo divulgado no TikTok.

O vídeo mostrava pessoas dançando e anunciava uma festa de Ano Novo em Nova York.

Mas em Nova York as reuniões internas e externas são limitadas a 10 pessoas, e os bares e restaurantes estão fechados.

O TikTok disse à BBC que a conta foi removida por violar as diretrizes da comunidade. O perfil tinha apenas 139 seguidores e três vídeos.

O aplicativo Vybe Together não respondeu a um pedido de comentário da reportagem.

No entanto, uma página em seu site, agora removido, afirmava: "Estamos cientes de que a covid é um grande problema de saúde… Fazer festas em grande escala é muito perigoso. É por isso que não apoiamos isso."

"Mas Vybe é um meio-termo, sem grandes festas, mas pequenas reuniões. Poderíamos estar vivendo, pelo menos um pouco durante esses tempos, com Vybe."

BBC News Brasil BBC News Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita da BBC News Brasil.
Publicidade
Publicidade