PUBLICIDADE
URGENTE
Saiba como doar qualquer valor para o PIX oficial do Rio Grande do Sul

Onda de frio deve causar menor temperatura do ano nesta semana em 8 capitais

Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), em Curitiba (PR), os termômetros devem registrar mínimas de 10°C; já em São Paulo, a menor temperatura pode chegar aos 15°C

17 abr 2024 - 08h04
Compartilhar
Exibir comentários

A primeira onda de frio mais forte de 2024 deve registrar, em ao menos oito capitais, a menor temperatura do ano nos próximos dias. De acordo com a Climatempo, os efeitos da frente fria devem ser sentidos a partir desta quarta-feira (17) no Sul e vai se estender para o Sudeste e Centro-Oeste ao longo de toda a semana.

Massa de ar frio avança pelo Centro
Massa de ar frio avança pelo Centro
Foto: Sul do Brasil - Agência Brasil / Perfil Brasil

Mesmo com a previsão de um frio moderado, a massa de ar mais gelado deve gerar recorde de baixas temperaturas para o ano até agora.

Onda de frio nas capitais

  • Porto Alegre
  • Florianópolis
  • Curitiba
  • São Paulo
  • Rio de Janeiro
  • Belo Horizonte
  • Vitória
  • Campo Grande

Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), em Curitiba, por exemplo, os termômetros devem registrar mínimas de 10°C. Nos últimos dias, as mínimas vinham ficando na casa dos 17°C.

Em Porto Alegre, aonde os termômetros chegaram a marcar 23°C de mínima na terça (16), a queda pode ser de mais de 10 graus. Já em São Paulo, as mínimas devem ficar em torno dos 15°C, cinco graus mais baixas do que nos dias anteriores.

Geada na região Sul

Há previsão de geada na região Sul, principalmente nas áreas mais elevadas, nos três estados: na serra do Rio Grande do Sul e na de Santa Catarina e também no sul do Paraná. O fenômeno deve acontecer na quinta-feira (18) e sexta-feira (19).

A frente fria responsável pela queda nas temperaturas nos próximos dias se formou na terça-feira (16) entre o Brasil, o Uruguai e a Argentina. Segundo a Climatempo, o sistema está associado a um ciclone extratropical e já provocou muita chuva na região Sul.

Perfil Brasil
Compartilhar
Publicidade
Publicidade