PUBLICIDADE

Mundo

UE dá primeiro aval à compra da ITA pela Lufthansa

Veredicto definitivo deve sair até 4 de julho

17 jun 2024 - 11h57
(atualizado às 12h09)
Compartilhar
Exibir comentários

O poder Executivo da União Europeia deu o primeiro aval técnico informal à compra de 41% da companhia aérea italiana ITA Airways pelo grupo alemão Lufthansa.

    A informação foi passada à ANSA por fontes da Comissão Europeia, que citam "progressos decisivos" nas negociações.

    O veredicto oficial deve ser divulgado até 4 de julho, e o acordo com Bruxelas prevê condições que garantam a concorrência no Aeroporto de Milão-Linate e em trechos de curto e longo alcance, com a abertura de rotas para companhias rivais.

    A UE temia uma possível redução da competição em conexões entre a Itália, a Europa Central e a América do Norte, mas recebeu garantias das partes envolvidas.

    Em maio de 2023, o governo da premiê da Itália, Giorgia Meloni, aceitou uma proposta para vender 41% da ITA, fundada sobre o espólio da antiga Alitalia, para a Lufthansa por 325 milhões de euros (R$ 1,9 bilhão), mas o negócio depende do aval de Bruxelas.    

Ansa - Brasil   
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade