PUBLICIDADE

Mundo

Não há indicação de hostilidades iminentes na fronteira Venezuela-Guiana, diz Casa Branca

12 fev 2024 - 15h55
Compartilhar
Exibir comentários

Os Estados Unidos não veem nenhuma indicação de que haja hostilidades na fronteira entre a Venezuela e a Guiana, disse o porta-voz da Casa Branca, John Kirby, nesta segunda-feira.

A Venezuela e a Guiana concordaram em dezembro em não usar a força ou aumentar as tensões em torno da reivindicação da Venezuela à região de Essequibo, na Guiana. No mês passado, em uma reunião mediada pelo Brasil, a Venezuela prometeu manter a diplomacia para resolver o conflito.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
Compartilhar
Publicidade
Publicidade