PUBLICIDADE

Mundo

Inteligência italiana aponta risco de interferências eleitorais

Relatório cita que 76 países vão às urnas em 2024

28 fev 2024 - 14h00
(atualizado às 14h03)
Compartilhar
Exibir comentários

- Um relatório anual de inteligência da Itália divulgado nesta quarta-feira (28) ao Parlamento aponta riscos diante do grande número de eleições pelo mundo em 2024.

?Setenta e seis países do mundo, que equivalem à metade da população mundial, irão votar, e há riscos de interferências e condicionamentos dos processos eleitorais através da ameaça híbrida?, disse a diretora do Departamento das Informações de Segurança, Elisabetta Belloni.

Um dos principais temores do relatório é em relação à Rússia, que estaria travando uma guerra híbrida contra a Itália com desinformação, ataques cibernéticos e exploração da migração, de olho em influenciar as próximas eleições europeias.

?A Rússia é o mais ativo ator em campanhas híbridas em detrimento da Itália e de todo o Ocidente?, diz o documento.

    .

Ansa - Brasil   
Compartilhar
Publicidade
Publicidade