PUBLICIDADE

Mundo

Haiti mantém escritórios e escolas abertos após fuga de detentos

4 mar 2024 - 14h43
(atualizado às 15h19)
Compartilhar
Exibir comentários

Na tentativa de tranquilizar a população de Porto Príncipe, o governo haitiano garantiu nesta segunda-feira (4) que escritórios da administração pública, escolas, indústrias e estabelecimentos comerciais funcionarão durante os três dias em que foram declarados o estado de emergência e o toque de recolher obrigatório.

    Em um comunicado assinado pela assessoria de imprensa do gabinete do primeiro-ministro haitiano, recorda-se que o estado de emergência foi decretado no departamento Ouest, que inclui Porto Príncipe, a capital do país, e o toque de recolher ficará em vigor entre 18h e 5h amanhã e quarta-feira (6).

    Por fim, o governo "chama a atenção da opinião pública para o fato de esta medida não se aplicar aos agentes policiais em serviço, bombeiros, condutores de ambulâncias, pessoal de saúde e jornalistas devidamente identificados". .

Ansa - Brasil   
Compartilhar
Publicidade
Publicidade