PUBLICIDADE

Mundo

EUA dizem que negociações são melhor caminho para Estado palestino, não reconhecimento unilateral

22 mai 2024 - 17h36
Compartilhar
Exibir comentários

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, acredita que negociações são o melhor caminho para um Estado palestino, e não reconhecimentos unilaterais, disse a Casa Branca nesta quarta-feira, após Irlanda, Espanha e Noruega afirmarem que reconhecerão um Estado palestino neste mês. 

A reação de Washington parece sinalizar a consternação dos EUA com o anúncio dos três países europeus de que pretendem progredir com o reconhecimento unilateral de um Estado palestino que, na prática, não existe. 

O conselheiro de segurança nacional da Casa Branca, Jake Sullivan, disse em um briefing à imprensa que cada país pode tomar sua própria decisão sobre o reconhecimento de um Estado palestino, mas que Biden pensa que negociações diretas entre as partes são a melhor abordagem. 

"O presidente Biden acredita que uma solução de dois Estados que garanta a segurança de Israel e também o futuro da dignidade e segurança do povo palestino é a melhor maneira de trazer segurança e estabilidade de longo prazo para todos na região", afirmou Sullivan. 

"O presidente Biden… tem sido igualmente enfático que a solução de dois Estados precisa ser alcançada por meio de negociações diretas entre as partes, não com reconhecimento unilateral." 

Sullivan havia sido questionado se os EUA estavam preocupados que outros países possam também reconhecer um Estado palestino. Ele disse que os EUA comunicarão sua posição consistente aos parceiros para "ver o que acontece". 

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade