PUBLICIDADE

Mundo

Desaparecimento de criança de 5 anos causa comoção na Argentina

Pequeno Loan não é visto há mais de 10 dias

24 jun 2024 - 15h45
(atualizado às 16h03)
Compartilhar
Exibir comentários

O desaparecimento de uma criança de 5 anos de idade e a possível ligação do caso ao mercado do tráfico gerou uma profunda comoção na Argentina.

    Caçula de oito irmãos de uma família humilde da cidade de 9 de Julio, na província de Corrientes, o pequeno Loan está há 11 dias desaparecido e foi visto pela última vez em um almoço na casa de sua avó, que também contou com a presença de alguns estranhos A polícia argentina, que colocou centenas de policiais e bombeiros em uma vasta operação de busca, especula que o jovem pode ter se perdido nos pântanos da região, mas não deixa de cogitar a possibilidade de um sequestro.

    As investigações apontaram que dois indivíduos presentes no encontro são suspeitos de raptar o menino, enquanto um comissário de polícia teria auxiliado no crime. Os três já se encontram em prisão preventiva juntamente com dois tios e uma sexta pessoa.

    A Justiça, segundo a mídia local, trabalha na hipótese de que a criança tenha sido sequestrada e transferida de Corrientes para a província vizinha de Chaco e de lá talvez para o Paraguai. Nesse sentido, não se pode descartar que o motivo possa ser a venda do menino no mercado de adoção ilegal, tráfico de seres humanos ou de órgãos.

    Um dos presos, um ex-oficial da Marinha, tentou se matar na sua cela, mas aceitou colaborar com as investigações, segundo a imprensa argentina. A espera é por depoimentos que possam levar à certeza sobre o destino do pequeno Loan. .

Ansa - Brasil   
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade