PUBLICIDADE
URGENTE
Saiba como doar qualquer valor para o PIX oficial do Rio Grande do Sul

Política

Ex-presidenciável Padre Kelmon vai a ato pró-Bolsonaro no Rio e elogia discurso de Silas Malafaia

Ao Terra, o religioso disse que a manifestação ocorre "em nome da defesa da liberdade"

21 abr 2024 - 14h07
(atualizado às 23h31)
Compartilhar
Exibir comentários
Ato em Copacabana pede anistia para os envolvidos nos atos golpistas do 8 de janeiro
Ato em Copacabana pede anistia para os envolvidos nos atos golpistas do 8 de janeiro
Foto: Alexandre Brum/Estadão

Um dos nomes que concorreu à Presidência da República em 2022, Padre Kelmon marcou presença no ato pró-Bolsonaro neste domingo, 21, na praia de Copacabana, no Rio de Janeiro. 

Ao Terra, o religioso disse que a manifestação ocorre "em nome da defesa da liberdade". Durante o evento, o ex-presidente Bolsonaro e aliados discursaram em favor da "liberdade de expressão", contra a regulamentação das redes sociais, principalmente sobre a atuação do ministro Alexandre de Moraes no STF, e exaltaram o bilionário Elon Musk, que passou a questionar o que chamou de "censura" Moraes com relação ao X, empresa conhecida como Twitter, que passou a ser administrada pelo empresário.

Padre Kelmon
Padre Kelmon
Foto: Hugo Barbosa

Para a reportagem, Kelmon mencionou ainda o discurso do pastor Silas Malafaia para apoiadores de Bolsonaro em Copacabana. "Foi forte", definiu. 

Na manifestação neste domingo, Malafaia adotou uma retórica agressiva contra autoridades da República, referindo-se a Alexandre de Moraes como um "ditador com modus operandi", e descrevendo o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD), como "frouxo, covarde e omisso".

Prefeitura de SP

Mês passado, Padre Kelmon anunciou sua pré-candidatura à Prefeitura de São Paulo nas eleições municipais deste ano. Segundo ele, seu vice será um evangélico, o pastor Manoel Ferreira Junior.

Seu partido, o PRD, no entanto, não confirmou essa movimentação.

Fonte: Redação Terra
Compartilhar
Publicidade
Publicidade