2 eventos ao vivo

TSE: 711 urnas foram substituídas e 48 eleitores presos

30 out 2016
17h16
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O total de ocorrências de práticas irregulares nas eleições deste domingo em todo o país chegou a 260 até as 15h47, segundo o quinto boletim divulgado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Todos os registros são relacionados a eleitores. Mais cedo, o tribunal havia divulgado que duas ocorrências de boca de urna envolviam candidatos do Ceará, mas ficou esclarecido que os dois não cometeram a irregularidade.

Eleitores fazem fila para entrar na Escola Municipal Avertano Rocha, em Jacarepaguá, zona oeste da capital fluminense, em dia de votação do segundo turno
Eleitores fazem fila para entrar na Escola Municipal Avertano Rocha, em Jacarepaguá, zona oeste da capital fluminense, em dia de votação do segundo turno
Foto: Agência Brasil

Em um dos casos, o candidato a vice-prefeito de Fortaleza Gaudêncio Lucena (PMDB), da chapa de Capitão Wagner (PR), estava se dirigindo para votar quando um grupo de eleitores o cercou manifestando apoio em frente à seção. No outro registro, eleitores que moram próximo a uma das seções se manifestaram com bandeiras em apoio a Roberto Cláudio (PDT), que também disputa a prefeitura da capital cearense.

O Ceará lidera dos registros de ocorrência do TSE, com 185 casos, entre eles uma prisão de eleitor. O estado com maior número de eleitores presos até agora é o Rio Grande do Sul, com 20 detidos, todos por boca de urna ou divulgação de propaganda.

Urnas

Nas 57 cidades com segundo turno em todo o país, das 90.532 urnas distribuídas, 711 foram substituídas, ou seja, 0,771% do total. Apesar de problemas em alguns equipamentos, em nenhum local a votação precisou ser manual até as 15h47 de hoje. O Rio de Janeiro é o estado com o maior número de substituições (212), seguido por São Paulo (118), Ceará (103) e Minas Gerais (60).

O segundo turno das eleições municipais ocorre neste domingo em municípios de 20 estados do país. Mais de 32 milhões de eleitores voltam às urnas escolha de prefeitos e vice-prefeitos. A votação termina às 17h, no horário local. Por causa do horário de verão, nos municípios de Roraima, Amazonas, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Rondônia o pleito termina às 19h,  considerando o horário de Brasília, e no Acre, às 20h.

Veja também:

Equipes saem às ruas para intensificar fiscalização e toque de recolher
Agência Brasil Agência Brasil
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade