3 eventos ao vivo

Após turbulência, Paulo Guedes visita Bolsonaro no hospital

Economista cotado como ministro da Fazenda em eventual gestão do candidato do PSL causou polêmica ao defender tributo semelhante a CPMF

23 set 2018
13h35
atualizado às 14h12
  • separator
  • comentários

Após uma semana marcada pela polêmica divulgação de seu plano de reforma tributária - que propõe substituir atuais tributos por uma única cobrança semelhante a da antiga CPMF - o economista Paulo Guedes visitou o candidato à Presidência nas eleições 2018 Jair Bolsonaro (PSL) neste domingo, 23.

Internado no Hospital Albert Einstein após sofrer um ataque durante ato de campanha em Juiz de Fora (MG), o presidenciável aproveitou o momento para mostrar um clima de harmonia entre os dois publicando uma foto em suas redes sociais. "Sempre juntos na busca da Ordem e Progresso!", diz a mensagem.

Paulo Guedes visitou Bolsonaro neste domingo, 23, em São Paulo.
Paulo Guedes visitou Bolsonaro neste domingo, 23, em São Paulo.
Foto: Twitter/Divulgação / Estadão Conteúdo

Bolsonaro também utilizou o Twitter para reiterar sua intenção de reduzir o número de ministérios e "extinguir e privatizar" parte das estatais brasileiras, que ele classifica como gastos desnecessários.

Na quarta-feira, 19, Bolsonaro chegou a rebater as declarações de Paulo Guedes na rede social: "Chega de impostos é o nosso lema!", afirmou. Em evento, o general Hamilton Mourão também se disse contrário à criação de novos impostos. "É um tiro no pé", declarou.

Em uma aparente articulação com a dupla, Guedes aproveitou o sábado, 22, para almoçar com Mourão no Rio de Janeiro. Segundo ele, os dois falaram pouco sobre política e discutiram temas como economia e infraestrutura.

Veja também:

 

Estadão Conteúdo

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade