0

Delegado Waldir diz que PSL continua apoiando governo

Deputado federal deve perder o posto de líder do partido na Câmara para Eduardo Bolsonaro

17 out 2019
12h52
atualizado às 13h14
  • separator
  • 0
  • comentários

Em meio a uma disputa pela liderança do PSL, o deputado Delegado Waldir (GO), que até a véspera ocupava o posto, afirmou nesta quinta-feira que o partido continua apoiando o governo do presidente Jair Bolsonaro, e que caberá à Secretaria-Geral da Câmara resolver o imbróglio sobre a liderança da legenda.

Plenário da Câmara dos Deputados
09/07/2019
REUTERS/Adriano Machado
Plenário da Câmara dos Deputados 09/07/2019 REUTERS/Adriano Machado
Foto: Reuters

Na noite de quarta-feira, Waldir acusou Bolsonaro de atuar pessoalmente para destituí-lo da liderança do PSL na Câmara e colocar no lugar seu filho, o deputado Eduardo Bolsonaro (SP). Pouco depois, foi apresentada uma lista de parlamentares dissidentes em apoio ao nome de Eduardo.

Mais tarde, no entanto, o grupo de Waldir, que também se coloca em defesa do presidente do PSL, Luciano Bivar (PE), angariou nomes para uma nova lista, em apoio à sua manutenção na liderança. Waldir diz ter 32 nomes nessa lista, de um total de 53 deputados da bancada do PSL.

Veja também:

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade