PUBLICIDADE

Polícia prende ex-vereador acusado de comandar milícia no RJ

Ex-vereador carioca Cristiano Girão Martins foi preso por agentes da Delegacia de Homicídios na região central da capital paulista

30 jul 2021 12h51
| atualizado às 13h28
ver comentários
Publicidade

A Polícia Civil do Rio prendeu nesta sexta-feira, 30, o ex-vereador carioca Cristiano Girão Martins. Girão foi preso por agentes da Delegacia de Homicídios da Capital (DHC) na região central de São Paulo. A ação contou com o apoio da Polícia Civil paulista. 

O ex-vereador é acusado de comandar uma milícia na Gardênia Azul, na zona oeste do Rio. Ele tinha mandado de prisão preventiva em aberto sob acusação de ordenar um duplo homicídio. Os crimes teriam sido executados pelo ex-policial militar Ronnie Lessa, que já está preso em penitenciária federal acusado da morte da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes. Ele também teve mandado de prisão cumprido. 

Polícia Militar do Rio de Janeiro
Polícia Militar do Rio de Janeiro
Foto: Tânia Rêgo/ Agência Brasil / Estadão

Segundo a Polícia Civil, a operação que prendeu Girão aconteceu após trabalho de inteligência, monitoramento e vigilância do acusado. O ex-vereador foi surpreendido quando dirigia seu carro ainda na madrugada. Ele estava dormindo em uma loja já há alguns dias como tentativa de se esconder.

Estadão
Publicidade
Publicidade