PUBLICIDADE

Patrícia Poeta reencontra tio que estava preso há 20 dias em casa por causa das enchentes no RS

Jornalista voltou à sua cidade natal, São Jerônimo (RS), para apresentar o programa 'Encontro'

19 mai 2024 - 18h54
(atualizado às 21h38)
Compartilhar
Exibir comentários
Resumo
A apresentadora Patrícia Poeta compartilhou uma foto abraçando seu tio que vive em São Jerônimo (RS) e estava recluso em casa há 20 dias devido às inundações que afetam o Estado gaúcho.
Foto: TV Globo

A apresentadora Patrícia Poeta compartilhou pelas redes sociais neste domingo, 19, uma foto em que aparece abraçando seu tio, que vive em São Jerônimo (RS), cidade natal da jornalista. O parente estava recluso em casa há 20 dias devido às inundações que afetam o Estado gaúcho.

"Esse é o meu tio Evaldo. Ele estava há 20 dias dentro de casa, assim como outras muitas pessoas. Meu tio está doente, e essa não é a primeira enchente que ele enfrenta. No ano passado, quando os fortes temporais atingiram o Estado, ele estava hospitalizado e não pôde voltar para casa. Acabou deixando seus bichinhos sozinhos, e alguns, infelizmente, morreram."

Na última sexta-feira, 17, Patrícia retornou à sua cidade natal para apresentar o programa Encontro, da TV Globo, e testemunhou de perto a devastação causada pelas enchentes. Durante o programa ao vivo, ela também teve a oportunidade de reencontrar familiares e amigos.

Patrícia contou que seu tio ficou sabendo de sua presença na cidade e foi visitá-la. Ela também mencionou sua preocupação inicial, já que não conseguiu entrar em contato com ele imediatamente.

"Dessa vez, mesmo doente, se recusou a ir para o hospital, pois não quis deixar os animais desamparados. Resistiu bravamente e, quando soube que eu estava na cidade, veio me ver. Saiu de casa depois desse tempo todo. Por tudo o que contei e pela situação que aflige grande parte do Rio Grande do Sul, não conseguíamos contato com ele nos primeiros dias. Foi angustiante"

"Quando o vi bem e pude abraçá-lo, me senti aliviada, assim como sei que minha mãe, 1.570 km distante, também ficou. Família é mais do que estar ali todos os dias. Família é estar presente quando necessário e, principalmente, estar ligado por um amor que não mede distância ou tempo."

Fonte: Redação Terra
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade