PUBLICIDADE

Mercado é interditado e mais de uma tonelada de alimentos apreendidos

Em continuidade ao trabalho realizado pelos agentes do Programa Segurança Alimentar RS, cinco estabelecimentos foram vistoriados nesta quarta-feira (21) no município de Erechim, no Alto Uruguai Gaúcho.

23 fev 2024 - 12h25
Compartilhar
Exibir comentários

Ao todo, 1,3 tonelada de alimentos e produtos impróprios para consumo foram apreendidos e inutilizados durante a operação. Todos os locais fiscalizados foram autuados, com destaque para a interdição total de um mercado e a interdição parcial (açougue e depósito) de outro, ambos por péssimas condições de higiene.

Foto: Ascom MPRS / Porto Alegre 24 horas

De acordo com os autos expedidos durante a fiscalização, uma grande quantidade de carne apresentou problemas, como falta de procedência, problemas de temperatura e deterioração. Além disso, foram identificados alimentos com a validade vencida, armazenados de maneira inadequada e com presença de mofo.

Produtos como soda cáustica e raticida, cuja venda é proibida em mercados, foram apreendidos de forma cautelar.

A operação de fiscalização contou com a participação dos promotores de Justiça Gustavo Burgos de Oliveira, da Promotoria de Justiça de Erechim, e Alcindo Luz Bastos da Silva Filho, da Promotoria de Justiça de Defesa do Consumidor de Porto Alegre, além de servidores do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO/MPRS), Secretaria Estadual da Saúde (SES), Secretaria Estadual da Agricultura, Pecuária, Produção Sustentável e Irrigação (SEAPI), Vigilância Sanitária Municipal de Erechim e Patrulha Ambiental da Brigada Militar (PATRAM).

Porto Alegre 24 horas
Compartilhar
Publicidade
Publicidade