PUBLICIDADE

Mulher é agredida por PM após pedir ajuda por ter discutido com marido

Vítima é atendente de farmácia e recebeu tapas e chutes, ambos registrados em vídeo por uma câmera de segurança

11 set 2023 - 16h14
(atualizado às 20h32)
Compartilhar
Exibir comentários
Mulher é agredida por policial militar após pedir ajuda em Goiás:

No dia 4 de setembro, uma mulher foi agredida por um policial militar após pedir ajuda por ter brigado com o marido. A agressão foi gravada em vídeo por uma câmera de segurança e em áudio pela vítima. A mulher foi agredida com tapas no rosto e chutes nas nádegas.

O caso aconteceu em Santa Rita do Araguaia, em Goiás, e a mulher já denunciou a agressão para a Polícia Civil. No áudio registrado pela vítima é possível escutar ela pedir ao marido que ele devolvesse uma quantia em dinheiro, que ela usaria para pagar uma conta de energia.

Vítima denunciou a agressão para a Polícia Civil
Vítima denunciou a agressão para a Polícia Civil
Foto: Reprodução/TV Anhanguera

O homem disse que o dinheiro não estaria com ele e pediu para a mulher voltar para a casa de sua mãe. A mulher, que trabalha como atendente de farmácia, avistou uma viatura passando em sua região e pediu ajuda aos policiais.

10 atitudes que também são violência contra a mulher 10 atitudes que também são violência contra a mulher

O áudio captou o barulho da viatura parando perto da vítima e a voz de um policial. O PM disse que a mulher precisava se acalmar e seguir os procedimentos para formalizar a denúncia contra o marido. A vítima disse que apenas queria que o policial pegasse o dinheiro com o marido para ela. Logo depois, ela recebeu um tapa na cara e um chute.

Segundo a Polícia Militar, foi determinada a instauração de procedimento e inquérito para apurar o caso. A PM também disse que "não compactua com qualquer desvio de conduta praticado por seus membros e que o caso será apurado com o rigor devido". As informações são do G1.

Fonte: Redação Nós
Compartilhar
TAGS
Publicidade
Publicidade