PUBLICIDADE

Cisgênero: o que é e diferenças para transgênero

Entenda significado do termo e sua importância na compreensão da diversidade de gênero e na luta pela igualdade de direitos para todo mundo

4 mai 2023 - 05h00
(atualizado em 25/1/2024 às 16h35)
Compartilhar
Exibir comentários
Resumo
O termo "cisgênero" descreve indivíduos cuja identidade de gênero está alinhada com o sexo atribuído ao nascer, enquanto "transgênero" refere-se àqueles com identidade de gênero diferente do sexo designado.
Saiba o significado de cisgênero, transgênero e outros termos relacionados a identidade de gênero e orientação sexual
Saiba o significado de cisgênero, transgênero e outros termos relacionados a identidade de gênero e orientação sexual
Foto: iStock

O avanço da discussão sobre pautas dos movimentos LGBTQIA+ deu visibilidade a termos que até então não eram tão utilizados na sociedade brasileira, como cisgênero e transgênero. Ao buscar se aprofundar e compreender melhor as questões de gênero e sexualidade, é possível entender as individualidades de cada um.

O termo "cisgênero", por exemplo, é fundamental para explicar a diversidade de identidades de gênero que existem na sociedade. Quando nos referimos a uma pessoa cisgênero, estamos descrevendo alguém cuja identidade de gênero alinha-se com o sexo atribuído no momento do seu nascimento, ou seja, sua anatomia biológica. 

O que é cisgênero?

O termo "cisgênero" refere-se à identidade de gênero de uma pessoa que está alinhada com o sexo que lhe foi atribuído ao nascer. Em outras palavras, é aquela cuja identidade de gênero coincide com o que a sociedade espera com base em seu nascimento. Por exemplo, se uma pessoa é designada como mulher ao nascer e identifica-se como mulher, ela é cisgênero.

O termo "cis" é derivado do latim e significa "do mesmo lado". Assim, em contraste com a experiência de pessoas transgênero, que têm uma identidade de gênero diferente daquela associada ao seu sexo de nascimento, as pessoas cisgênero têm uma correspondência entre sua identidade de gênero e a designação de sexo que receberam ao nascer e por isso, acabam sendo mais “aceitos’ pela sociedade.

A maioria das pessoas é cisgênero, e é essencial reconhecer que essa identidade carrega um certo privilégio, sobretudo para homens cisgêneros e heterossexuais. Sendo assim, é importante reconhecer e respeitar a diversidade de identidades de gênero, compreendendo que a cisgeneridade é apenas uma delas. 

Em resumo, a cisgeneridade se dá da seguinte forma:

  • Mulher cisgênero: é aquela que se identifica com o gênero feminino e que foi designada como mulher ao nascer, com base em suas características biológicas;

  • Homem cisgênero: se identifica com o sexo que lhe foi atribuído ao nascer, ou seja, é alguém que nasceu com características biológicas do sexo masculino e se identifica como um homem.

O que é transgênero?

Uma pessoa transgênero é uma pessoa com uma identidade de gênero diferente do sexo que lhe foi atribuído no nascimento. Isso significa que uma pessoa transgênero pode ter nascido com um corpo que é classificado como masculino ou feminino, mas se identifica como sendo do gênero oposto.

  • Mulher transgênero: é uma pessoa que foi designada com o sexo masculino ao nascer, mas se identifica como mulher;
  • Homem transgênero: é quem foi designado como mulher ao nascer, mas se identifica como homem.

O que é não-binário?

Não-binário é um termo que se refere a pessoas que não se identificam com os gêneros tradicionais masculino ou feminino. Em outras palavras, é uma pessoa que não se identifica exclusivamente como homem ou mulher.

As pessoas não-binárias podem se identificar como tendo uma mistura de características masculinas e femininas, como ter uma identidade de gênero fluida, ou simplesmente não se identificarem com nenhum gênero em particular.

Identidade de gênero

Identidade de gênero é o gênero com o qual uma pessoa se identifica e se percebe, ou seja, se ela se vê como homem, mulher, não-binário ou em outra identidade de gênero. É uma parte fundamental da identidade pessoal de um indivíduo e pode ou não corresponder ao sexo biológico que lhe foi atribuído ao nascer.

A identidade é uma característica individual que pode se manifestar de diferentes formas, incluindo a maneira como a pessoa se veste e expressa sua identidade de gênero. É importante lembrar que a identidade de gênero não está necessariamente relacionada à orientação sexual, que se refere à atração sexual e afetiva que uma pessoa sente por outras pessoas. Algumas identidades de gênero estão inclusas na sigla LGBTQIA+.

Orientação sexual

Orientação sexual se refere aos padrões de atração emocional, romântica e sexual de uma pessoa em relação a outras pessoas, sendo a forma como um indivíduo se sente atraído por outros com base em seu gênero ou outras características.

  • Heterossexual: é a pessoa que sente atração romântica e/ou sexual por pessoas do sexo oposto. Ou seja, um homem heterossexual sente atração por mulheres, e uma mulher heterossexual sente atração por homens;
  • Homossexual: quem sente atração romântica e/ou sexual por pessoas do mesmo sexo, ou seja, um homem homossexual sente atração por outros homens, e uma mulher homossexual sente atração por outras mulheres;
  • Bissexual: quem sente atração romântica e/ou sexual por pessoas do sexo oposto e também do mesmo sexo. Uma pessoa bissexual pode sentir atração por homens e mulheres, ou por pessoas de outras identidades de gênero, como pessoas não-binárias;
  • Pansexual: quem se atrai por outras pessoas, independentemente do gênero ou identidade de gênero delas. Ou seja, uma pessoa pansexual pode sentir atração romântica e/ou sexual por pessoas de qualquer gênero, incluindo homens, mulheres, pessoas não-binárias, transgêneros, entre outras;
  • Assexual: é a pessoa que sente pouca ou nenhuma atração sexual por outras pessoas. Pessoas assexuais ainda podem sentir atração romântica ou emocional por outras pessoas, mas a atração sexual não é uma parte significativa de sua vida.
Fonte: Redação Nós
Compartilhar
TAGS
Publicidade
Publicidade