PUBLICIDADE

Grand Slam

Federer garante que a vontade de vencer ainda existe

17 jan 2010 - 12h31
(atualizado às 13h01)
Compartilhar

O suíço Roger Federer, número um do tênis mundial que inicia na segunda-feira a disputa do Aberto da Austrália, afirmou neste domingo que mantém a "vontade de vencer" e que a nova condição de pai de gêmeas não deve afetar seus resultados.

» Otimista, Hewitt recorre a vídeo para conhecer rival brasileiro

» Público lota evento organizado por Federer para ajudar Haiti

» Verdasco bate Tsonga e ganha torneio preparatório para Slam

» Melo e Soares perdem final para novo parceiro de Sá

"Não é difícil construir uma família com a vida que levamos (os tenistas). Mas posso garantir que continuo com a vontade vencer, treino mais que nunca. Nos últimos meses não fiquei apenas cuidando de minhas filhas", disse o suíço.

Federer também comentou a nova condição de pai de família e os problemas de organização que isto representa.

"No aspecto pessoal, conseguir organizar tudo o que está acontecendo em minha vida é algo fascinante. É apaixonante viajar por todo o planeta em família. É novo para mim e está indo muito bem", explicou tenista de 28 anos.

Federer terá uma primeira rodada complicada no Aberto da Austrália contra o russo Igor Andreev, número 36 do mundo.

Federer comemora bom momento em família e garante foco no tênis
Federer comemora bom momento em família e garante foco no tênis
Foto: AP
AFP Todos os direitos de reprodução e representação reservados. 
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra