PUBLICIDADE
Logo do

Santos

Favoritar Time

Com "sombra", Neymar resgata imagem e conquista investidores

13 jan 2011 14h11
| atualizado às 16h53
Publicidade
Diego Garcia
Direto de Santos

O atacante Neymar deu a volta por cima, menos de quatro meses após protagonizar a polêmica com o técnico Dorival Júnior, que acabou demitido do Santos. O jogador acertou com a Red Bull, que irá ajudar a pagar os vencimentos astronômicos do astro na Vila Belmiro, deve fechar em breve com a Seara e também é visado por diversas outras multinacionais. Hoje longe de confusões, o menino recebeu ajuda especial de uma "sombra", que o acompanha desde o imbróglio com o ex-treinador.

Eduardo Musa, o Duda, gerente de novos negócios do Santos, foi designado, depois do "caso Dorival", para orientar de perto o principal jogador santista, que ficou com a imagem desgastada após a polêmica.

Segundo uma fonte ligada ao clube, os contatos com patrocínios ficaram mais difíceis à epoca da polêmica, em setembro, e preocuparam a cúpula alvinegra, que se via em situação delicada para bancar o salário de R$ 500 mil que Neymar ganharia a partir de dezembro, em acordo firmado em agosto.

"O Neymar entendeu a profissão dele e está entendendo o dia a dia da profissão. Ele é muito requisitado e aprendeu a conviver com isso. O perfil dele não é de confusão, conversamos muito e o objetivo não foi transformar ele em um professor, e sim fazer o que deve", afirmou Eduardo Musa ao Terra.

O dirigente acompanha o jogador aonde quer que ele vá - programas de televisão, entrevistas exclusivas e até coletivas. Em qualquer lugar que Neymar estiver representando o Santos, o gerente também se encontra. "Tem que falar com o Musa", diz o pai de Neymar quando perguntado se é possível fazer uma entrevista com o filho.

"É o papel do clube, eu fiquei um pouco à frente disso, mas foi um trabalho em conjunto. O pai dele, a imprensa, o clube, todos conversamos muito, porque é uma situação que não é comum. Ele é um astro e vai embora cedo, então está aprendendo a se relacionar. O meu papel foi de conversar, estar próximo para discutirmos essas ações", disse Musa.

"Eu trabalho a imagem dele, o lado comercial. O relacionamento com a imprensa, com patrocinadores, empresários, e a ideia é que continuemos assim. O caso com o Dorival, se você ver, foi um problema pontual, pois ele teve um ano excelente. Ele viu que errou, mas errou muito mais pela inexperiência, por ser uma situação nova, e ele aprendeu a lidar com isso, com a imprensa e os demais", completou o gerente.

Neymar colhe os frutos de bom comportamento:

Posteriormente ao problema com Dorival, o jogador recuperou a boa imagem com gols e um bom comportamento dentro e fora de campo, o que trouxe de volta a alta demanda pela sua imagem. Além da Red Bull (o atleta assina contrato assim que retornar do Sul-Americano Sub-20, no Peru), a Seara (patrocinadora do Santos em 2010 e que deve renovar em breve) é outra que irá atrelar a imagem de Neymar à sua marca, além de outras empresas.

A reportagem verificou que mais três multinacionais estão em negociação com o Santos e devem ter procedimento semelhante ao adotado com Robinho na temporada passada. Na ocasião, algumas companhias patrocinaram o craque em seu retorno à Vila, mas foram mantidas em sigilo. Contudo, não existe a possibilidade de que as mesmas empresas que estiveram com Robinho também invistam em Neymar.

"Não posso confirmar sobre a Red Bull, não tenho autorização para falar sobre isso. Sobre outras empresas, estamos identificando algumas que demonstraram interesse e que tenham alguma identificação conosco. Não temos prazo para definir isso ainda", afirmou ao Terra o diretor de marketing do Santos, Armênio Neto.

O Santos firmou um novo acordo com Neymar em agosto de 2010, logo após anunciar que o Chelsea não conseguiria levar embora o astro. De acordo com o novo vínculo, que teve início no último mês do ano passado, o time alvinegro paga R$ 160 mil mensais (teto do clube) ao jogador e os demais R$ 340 mil serão provenientes de investidores, que terão o direito de usar a imagem do craque em anúncios publicitários.

Vale frisar que Neymar não será o único que irá lucrar com os novos contratos. O Santos, por sua vez, terá direito a 30% de cada um desses valores e conseguirá engordar seus cofres com a ajuda de seu maior ídolo da atualidade.

Neymar dá a volta por cima após a polêmica com Dorival
Neymar dá a volta por cima após a polêmica com Dorival
Foto: Fernando Borges / Terra
Fonte: Especial para Terra
Publicidade