0

Relembre grandes doações ações solidárias de jogadores de futebol

Cristiano Ronaldo já foi eleito o esportista mais solidário do mundo, Messi já doou R$ 10 milhões para construção de hospital, enquanto Drogba tem importante trabalho na África

13 fev 2019
14h23
atualizado às 14h23
  • separator
  • comentários

As buscas pelo corpo de Emiliano Sala e do piloto David Ibbotson mobilizaram o mundo. Mbappé foi um dos jogadores que doou genoras quantias para que a procura não terminasse. O francês doou 30 mil euros (R$ 126 mil) para as buscas por Sala e a mesma quantia para que continuassem na procura do piloto.

Aos 20 anos, Mbappé já mostra maturidade ao lidar com o dinheiro que recebe. Na Copa do Mundo de 2018, doou toda sua premiação (quase R$ 1,9 milhões) para ajudar fundações francesas e três mil crianças. No futebol, outros atletas se destacam por seu trabalho solidário. Veja alguns dos casos mais marcantes.

REFERÊNCIA CR7

Jogadores também se notabilizam fora de campo por suas ações solidárias (AFP)
Jogadores também se notabilizam fora de campo por suas ações solidárias (AFP)
Foto: Lance!

Cristiano Ronaldo já foi eleito o esportista mais solidário do mundo (Foto: AFP)

Cristiano Ronaldo foi nomeado, em 2015, pela 'Athletes Gone Good', como o atleta mais solidário do mundo. Construções de escolas na Palestina, fome na África, hospitais na Síria e causas do câncer já foram alguns focos de suas doações. Entre as de mais destaque: 5 milhões de libras (R$ 22 milhões, na época) para ajudar na reconstrução do Nepal, devastado por um furacão, em 2015. O craque também já pagou uma cirurgia cerebral para um bebê de dez meses e ajuda na causa dos refugiados. Uma das explicações que CR7 já deu por ser tão solidário foi a que "quando se ajuda outra pessoa, Deus te dá o dobro".

ÖZIL E O BRASIL

Özil ajudou crianças brasileiras (Foto: Reprodução)

Após conquistar a Copa do Mundo de 2014, Özil doou todo sua premiação, avaliada em 300 mil euros (R$ 1 milhão), para ajudar na cirurgia de 23 crianças brasileiras. O alemão justificou a doação dizendo que era "um agradecimento pessoal pela hospitalidade do brasileiro".

MESSI

Messi já doou 2,3 milhões de libras para a construção de um hospital (Foto: Lluis Gene / AFP)

Messi também costuma fazer doações para causas solidárias. O argentino já doou 670 mil libras para a construção de um hospital para crianças em Rosário, sua terra natal. É embaixador da Unicef e também ajudou a construir escolas na Síria. Também já doou cerca de 73 mil libras (R% 303 mil) para os 'Médicos Sem Fronteiras' e 2,3 milhões de libras (R$ 12 milhões) para a construção de um hospital para crianças em Barcelona.

DROGBA E A ÁRICA

Drogba tem importantes trabalhos na África (Foto: Issouf Sanogo / AFP)

Drogba tem uma relação de muita solidariedade com a África. Já doou 3 milhões de dólares (R$ 8 milhões) para a reconstrução de um hospital em Abidjan (Costa do Marfim), sua terra natal e também trabalha com a Unicef com causas no continente.

KUYT E A DEFICIÊNCIA

Kuyt tem reconhecido trabalho com deficiências (Foto: Ed Oudenaarden/ANP/AFP)

O holandês Dirk Kuyt criou a 'Dirk Kuyt Foundation' para ajudar na causa dos deficientes. Em jantares de gala, já arrecadou 200 mil dólares (R$ 746 mil) para projetos relacionados a causa. Kuyt já ajudou na construção de hospitais especializado em crianças com Aids, no Nepal e colabora com 64 projetos no mundo que apoiam crianças deficientes e menores abandonados.

BECKHAM

Beckham doou tudo que ganhou no PSG para caridade (Foto: AFP)

Embaixador da Unicef e fundador de uma instituição de combate a Malária, David Beckham já arrecadou 185 mil dólares (R$ 607 mil) para uma instituição que ajuda no combate ao bullying e doou todo o ganho que teve como jogador do PSG para instituições de caridade

ZIDANE

Zidane tem parceria com a ONU (Foto: Dimitar Dilkoff/AFP)

Zinedine Zidane foi um dos jogadores que iniciou os jogos beneficentes de fim de ano. O "Jogo contra a Pobreza" é um marco no quesito e todos os ganhos vão para a ONU e para o desenvolvimento de projetos solidários em 27 países diferentes.

SUÁREZ

Suárez também já fez doações generosas (Foto: Lluis Gene / AFP)

Em 2017, uma enchente atingiu a cidade de Salto, no Uruguai, terra natal de Suárez. O atacante doo cerca de 3000 fraldas, mais de uma tonelada de açúcar, chocolate, leite em pó, além de inúmeros cobertores e edredons para ajudar a cidade. Em 2014, doou 500 cestas básicas para um hospital especializado no tratamento de crianças com câncer, em Montevidéu.

BELLAMY

Bellamy em sua época de Manchester City (Foto: Reprodução)

O ex-atacante do Liverpool e do Manchester City, Craig Bellamy já doou mais de 1 milhão de libras para a fundação que criou para ajudar na educação de jovens nascidos em Serra Leoa. O ex-atacante também incentivou o futebol feminino na região, ajudando cerca de 200 meninas a ingressarem no esporte.

Lance!

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade