0
Logo do Seleção Brasileira
Foto: terra

Seleção Brasileira

Gabriel Jesus comemora o inédito ouro com a camisa de Prass

Atacante e goleiro são companheiros no Palmeiras, e o camisa 1 seria o titular da campanha na Rio-2016 se não sofresse uma fratura no cotovelo. Ele deve voltar em 2017

20 ago 2016
20h48
atualizado às 21h11
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Assim que entrou no campo para comemorar a conquista da medalha de ouro, Gabriel Jesus estava vestindo a camisa 1 com o nome de Fernando Prass. O seu companheiro de Palmeiras seria o titular da Seleção na Olimpíada, mas sofreu uma fratura no cotovelo direito e teve de passar por cirurgia um pouco antes do início da Rio-2016. Para o garoto, esta foi uma forma de homenageá-lo.

- Pensei neste momento (da homenagem) desde a hora que a gente estava na Granja (Comary) e o Prass foi cortado. Fiquei muito triste, pensei em fazer a melhor homenagem, porque ele merece - afirmou o camisa 11 da Seleção, substituído durante a final contra a Alemanha.

Esta foi a primeira convocação de Prass, já aos 38 anos. Depois da lesão, o ídolo palmeirense se afastou da Seleção e manteve contato apenas com Gabriel Jesus. Enquanto isso, o camisa 1 é presença frequente nos jogos do Verdão e na Academia de Futebol.

Gabriel Jesus e Gabigol vestiram a camisa do goleiro Fernando Prass, cortado da Seleção olímpica por contusão, após a conquista do ouro, no Rio
Gabriel Jesus e Gabigol vestiram a camisa do goleiro Fernando Prass, cortado da Seleção olímpica por contusão, após a conquista do ouro, no Rio
Foto: Getty Images

Logo após a homenagem do atacante, o Palmeiras postou em sua página no Twitter a seguinte mensagem: "Em nome do Prass. Amém". O goleiro deve iniciar sua recuperação na próxima semana e a expectativa é de que ele volte aos campos no ano que vem.

 

Veja também:

Ranking aponta os 50 melhores clubes de 2020
Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade