1 evento ao vivo

Fábio Maldonado fará luta principal em estreia de evento russo no Brasil

Ex-lutador do UFC, Fábio Maldonado, atual campeão meio-pesado do Fight Nights Global, terá pela frente Nikita Krylov na luta principal do evento, que será realizado em São Paulo

13 mar 2018
13h27
  • separator
  • comentários

Por Mateus Machado

Ex-UFC, Fábio Maldonado fará a luta principal do Fight Nights Global 87, em São Paulo (Foto: Divulgação)
Ex-UFC, Fábio Maldonado fará a luta principal do Fight Nights Global 87, em São Paulo (Foto: Divulgação)
Foto: LANCE!

Considerado um dos principais eventos de MMA do mundo atualmente, o Fight Nights Global tem data marcada para realizar sua primeira edição no Brasil. A organização russa vem preparando um card empolgante para sua edição de número 87, em São Paulo, no dia 14 de abril. Na luta principal, o ex-UFC Fábio Maldonado, atual campeão meio-pesado da franquia, fará sua defesa de título contra o ucraniano Nikita Krylov, de 26 anos e com um cartel de 23 vitórias e cinco derrotas no MMA profissional. Vale ressaltar que Krylov também acumula passagem pelo Ultimate.

12 anos mais velho em relação ao seu oponente, Maldonado, que está prestes a completar 38 anos, se mostrou bastante empolgado com a oportunidade de lutar em casa logo em sua primeira defesa de cinturão. Vindo de dois triunfos consecutivos e com um cartel de 24 vitórias e 11 reveses, o "Caipira de Aço" falou sobre a expectativa para o combate em São Paulo.

"Eu estou muito feliz. Moro no interior, em Sorocaba, mas sempre estou em São Paulo treinando, tenho muitos amigos na capital e vai ser especial lutar aqui. Foi o meu empresário que falou que a luta vai ser em São Paulo e eu gostei muito. Local não ganha luta, mas não deixa de ser uma grande oportunidade. Normalmente, os voos para a Rússia são bem cansativos, tem escala, então pelo menos isso vamos ter para descansar, além do fato de lutar em casa", disse Maldonado, que ainda fez uma análise do seu oponente, que chegou a emplacar cinco vitórias seguidas no Ultimate antes de assinar com o Fight Nights Global.

"O Nikita Krylov vinha de cinco vitórias consecutivas no UFC, teve uma derrota só, mas ele não quis renovar com eles, preferiu assinar com o Fight Nights Global. Ele está bem empolgado, é mais novo... Ele acabou de fazer 26 anos e eu estou prestes a fazer 38 anos, então é uma diferença considerável. É um cara que está empolgado, está na energia, falando bastante besteira, o que mostra que ele está empolgadão com esse duelo (risos). Ele chuta bem na cabeça, tem vários nocautes. Já nocauteou um ex-campeão do Bellator com joelhadas, o Emanuel Newton, nocauteou em poucos segundos, e ele também busca o chão, gosta de finalizar no chão. Eu vou desenrolar... Todo mundo sabe o que eu faço, o Boxe corre na minha veia, apesar de ser o que eu menos treino (risos). Eu treino mais a parte agarrada, mas eu acredito que vou conseguir acertar ele, em pé ou no chão, e vamos acabar nocauteando ele", analisou o brasileiro, que ainda fez elogios ao Fight Night Global, que com seu primeiro evento no Brasil, pretende expandir cada vez mais a sua marca.

"O Fight Nights Global, entre os 20 maiores eventos de MMA do mundo, ele é o quarto atualmente. Todo mundo sabe a força do UFC, que está em primeiro, o Bellator em segundo. Esses dois são americanos, mas o terceiro, quarto e quinto são russos... O terceiro é o ACB, o quarto é o Fight Nights e o quinto o M1. Se não me engano, o Fight Nights já foi o terceiro dessa lista e é um grande evento. Eu estou muito feliz em fazer parte, tem muitos lutadores duros, os russos são bem duros e esse meu adversário lutou com dois brasileiros, finalizou os dois na época em que estava no UFC. Vai ser um bom teste, tanto para mim quanto para ele. Os russos são bem humildes, são bem tranquilos... É bem difícil sair briga em pesagem, confusão, mas esse Nikita é diferente. Eu sinto que ele é meio empolgadão, provocador, falou muita coisa em rede social, então eu acho que a luta promete. Depois do primeiro round, essa luta vai ser minha, eu tenho grande convicção disso", encerrou.

LANCE!

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade