0

André Jardine agradece oportunidade no São Paulo: 'É uma honra'

Treinador foi oficializado como o comandante do clube para a próxima temporada, quando o Tricolor retorna a disputar a Libertadores; Raí comenta decisão da diretoria

25 nov 2018
11h27
atualizado às 11h39
  • separator
  • 0
  • comentários

Na manhã deste domingo, o São Paulo oficializou a contratação do técnico André Jardine no comando do time profissional do clube do Morumbi. O treinador, que ainda tenta uma vaga direta na fase de grupos da Copa Libertadores do ano que vem, festejou sua promoção e comentou sobre sua expectativa para o desafio que lhe aguarda.

André Jardine e Raí comentaram sobre as expectativas para a próxima temporada do São Paulo(Ângelo Martins/saopaulofc.net)
André Jardine e Raí comentaram sobre as expectativas para a próxima temporada do São Paulo(Ângelo Martins/saopaulofc.net)
Foto: Lance!

- É uma honra e me enche de orgulho poder defender as cores de um clube que aprendi a amar. O ano de 2019 começa pelos dois últimos jogos deste ano, nos quais vamos lutar por uma vaga para a fase de grupos da Copa Libertadores. A meta inicial é a construção de uma equipe de trabalho com uma ideia, uma identidade, que vamos buscar com muito treino, dedicação e cobrança. A partir do momento que a gente conseguir desenvolver algumas coisas através do treinamento, vamos confrontar nossa identidade com a de outras equipes, e nossa meta será fazer com que nossa ideia prevaleça, para que o São Paulo tenha o maior número possível de vitórias e se aproxime dos títulos - explicou o treinador, que foi multicampeão nas duas últimas temporadas comandando o time sub-20 do Tricolor.A informação da efetivação de Jardine foi confirmada pelo LANCE! no último sábado. Neste domingo, momentos antes do início do último treino da equipe antes do duelo contra o Sport, na próxima segunda, o São Paulo oficializou a promoção do treinador, que recebeu as boas-vindas de Raí, o diretor-executivo de futebol do clube.

- A definição pelo Jardine para comandar o time em 2019 é a conclusão de um processo que iniciamos em março, ao trazê-lo para a comissão técnica principal como auxiliar-técnico, e o início de um novo capítulo sobre o qual temos convicção. Isso é baseado nos conceitos que ele apresenta e ambiciona, e na competitividade e na eficiência que as equipes dele sempre demonstraram na categoria sub-20. A escolha pelo Jardine é consequência do trabalho que ele desenvolve há quase quatro anos no São Paulo, em Cotia e na Barra Funda - disse o cartola e ídolo do Tricolor.

Atualmente, a equipe está na quinta colocação do Campeonato Brasileiro, com 62 pontos ganhos, o mesmo número do Grêmio - o primeiro dentro do G4. Na próxima segunda, o São Paulo mede forças com o Sport, no Morumbi, em busca de retomar sua vaga entre os quatro primeiros da tabela. Este será o quarto jogo de André Jardine no comando do time principal em 2018.

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade