PUBLICIDADE
Logo do Internacional

Internacional

Favoritar Time

Coudet celebra vitória e liderança mas pede desculpas pela expulsão

Neste domingo, o Internacional conquistou uma vitória por 1 a 0 sobre o São José, alcançando a liderança do Gauchão. O técnico Eduardo Coudet se envolveu em uma confusão com o treinador China Balbino, resultando na expulsão de ambos. + Coudet critica gramado irregular, mas frisa: 'Sempre temos que ganhar, somos Inter' Após o jogo, […]

12 fev 2024 - 01h19
(atualizado às 01h19)
Compartilhar
Exibir comentários
Eduardo Coudet em ação com o Inter no Beira-Rio -
Eduardo Coudet em ação com o Inter no Beira-Rio -
Foto: Ricardo Duarte/Internacional / Esporte News Mundo

Neste domingo, o Internacional conquistou uma vitória por 1 a 0 sobre o São José, alcançando a liderança do Gauchão. O técnico Eduardo Coudet se envolveu em uma confusão com o treinador China Balbino, resultando na expulsão de ambos.

Após o jogo, Coudet comemorou o resultado, mas expressou sua insatisfação com o gramado sintético do Passo D'Areia. O treinador acredita que a equipe poderia ter apresentado um desempenho melhor.

"O jogo foi um pouco do que falamos depois do último. É muito difícil dar um bom espetáculo aqui, muita segunda bola, é difícil de jogar", afirmou. "Sinto que poderíamos em outras condições ter jogado muito melhor. Nunca deixamos de correr, brigar e disputar um jogo que sabíamos que seria assim."

Para saber tudo sobre o Inter, siga o Esporte News Mundo no TwitterFacebook e Instagram.

Perguntado sobre a expulsão, o técnico pediu desculpas. Treinador avaliou que sua conduta não foi grave, mas reconheceu que se excedeu na reclamação: "Quero pedir desculpa pela reação, por reclamar, me excedi. Mas senti que foi uma jogada muito feio para o futebol. Quase tomamos gol, com um jogador caído e não foi devolvida a bola. Poderia falar que é culpa do treinador rival, mas pedi desculpa para ele. Não costumo ser desrespeitoso com o rival ou com o árbitro. Acho que é o primeiro vermelho que tomo assim.", diz Chacho.

Eduardo Coudet evitou falar sobre os jogadores individualmente e se esquivou de perguntas sobre De Pena, Gabriel e Gustavo Prado.

Esporte News Mundo
Compartilhar
Publicidade
Publicidade