PUBLICIDADE

Zico é demitido do comando do Olympiacos

19 jan 2010 09h06
| atualizado às 09h43
Publicidade

Depois de passar com sucesso pelo Fenerbahce, da Turquia, tentar a sorte no CSKA russo e não repetir o mesmo bom trabalho, o técnico Zico também não conseguiu engatar uma boa sequência no Olympiacos, da Grécia, e, nesta terça-feira, tornou-se o mais novo desempregado do mundo do futebol.

Olympiacos confirmou saída do técnico Zico
Olympiacos confirmou saída do técnico Zico
Foto: Getty Images

Apenas quatro meses após assumir o comando da equipe que conta com os brasileiros Dudu Cearense e Diogo, Zico acabou demitido pela direção do Olympiacos, insatisfeita com a série de quatro partidas sem vitória, completada domingo, depois do empate sem gols diante do Kavala.

Apesar dos maus resultados, Zico levou o Olympiacos às oitavas de final da Liga dos Campeões. O adversário dos gregos na principal competição de clubes da Europa será o Bordeaux, da França.

Em seu site oficial, o Olympiacos tratou a demissão de forma clara e direta. "Anunciamos o encerramento da cooperação com o treinador Artur Antunes Coimbra (Zico) e seus assistentes Eduardo Antunes Coimbra e Moraci Sant'Anna a partir desta data".

Sete pontos distante do líder Panathinaikos na tabela do Campeonato Grego e eliminado da Copa da Grécia, o Olympiacos - terceiro no Nacional -, agora, será dirigido interinamente por Bozivar Bandovic e Andreas Niniadis, que faziam parte da comissão técnica do ídolo flamenguista.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade