PUBLICIDADE

Ex-jogador da seleção da Alemanha dispara: 'Fui aconselhado por meu advogado a não sair do armário'

Hitzlsperger assumiu a homossexualidade em janeiro de 2014, quando deu entrevista ao jornal alemão 'Die Zeit'

13 fev 2024 - 12h40
(atualizado às 12h58)
Compartilhar
Exibir comentários
Foto: Reprodução Instagram Thomas Hitzlsperger - Legenda: Ex-jogador segue com sua luta contra o preconceito / Jogada10

O ex-jogador Thomas Hitzlsperger contou que queria tornar pública sua opção sexual. No entanto, na época, quando ainda era atleta profissional, o seu advogado na ocasião fez ele mudar de ideia.

Na ocasião, o advogado do alemão disse que não era para assumir sua opção sexual e concluiu que isso não era algo usual entre atletas, sobretudo, da Alemanha.

"O meu advogado aconselhou-me a não sair do armário. Disse-me 'em circunstância alguma fales disso'. Sim, acredito que sim. Fala-se disso, mas os jogadores não identificam dessa forma. É tabu no campo e no balneário, também porque na Alemanha não se conhece nenhum futebolista no ativo que seja homossexual", salientou.

Aliás, Thomas lamentou o assunto ainda ser tratado como tabu e a pouca evolução na classe.

"Se trata dos atores principais, os jogadores, há um problema. São sete os profissionais homossexuais conhecidos em todo o negócio. É pouco. Sempre me perguntei: 'quando sairá um jogador homossexual de uma das cinco principais ligas?'", acrescentou.

A luta do ex-atleta contra homofobia não é algo novo. Hitzlsperger já teve outras aparições que questionava ligas e falava sobre o assunto. Ele assumiu a homossexualidade em 2014, em entrevista ao jornal alemão Die Zeit.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Jogada10
Compartilhar
Publicidade
Publicidade