0

Reservas do Grêmio passam tranquilamente pelo Juventude em estreia do segundo turno do Gaúcho

29 fev 2020
13h18
atualizado às 14h03
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Foto: Reprodução/ Grêmio
Foto: Reprodução/ Grêmio
Foto: Gazeta Esportiva

Depois de ser derrotado na final do primeiro turno do Campeonato Gaúcho, o Grêmio começou com o pé direito a segunda fase do estadual. Na manhã deste sábado, o Imortal derrotou o Juventude por 2 a 0, em Porto Alegre.

Mesmo com uma equipe alternativa, devido a estreia do time na Libertadores na próxima terça-feira, fora de casa, diante do América de Cali, da Colômbia, o Tricolor passou tranquilamente pelos jaconeros. Pepê e Diego Souza marcaram os gols do jogo.

Antes da bola rolar, foi respeitado um minuto de silêncio em homenagem a Valdir Espinosa. Renato Gaúcho usou uma camisa com o escrito "Obrigado, Espinosa" e ficou bastante emocionado.

Na próxima rodada do Gauchão, o Grêmio vai até Pelotas enfrentar os donos da casa. O duelo está marcado para o dia 8, o próximo domingo, às 16h, no Estádio Boca do Lobo.

O jogo

Como esperado, Renato Gaúcho poupou uma série de titulares, já pensando na estreia do Grêmio na Libertadores. Apesar da equipe reserva, o Tricolor não teve dificuldades para impor o ritmo de jogo e construir uma vitória tranquila.

Pressionando o Juventude desde o apito inicial, o Imortal conseguiu abrir o marcador cedo, aos oito minutos. Alisson lançou Pepê, que estava sozinho dentro da área e tocou na saída do goleiro Marcelo Carné. O lance gerou bastante reclamação da equipe visitante, tentando convencer o árbitro que o autor do gol estava impedido.

A partida seguiu e o Grêmio continuava sem precisar imprimir grande intensidade para criar as oportunidades. Novamente em um lance polêmico, o time de Renato Gaúcho ampliou e deixou encaminhado o triunfo. O lateral-esquerdo Caio Henrique foi ao ataque, fez tabelinha com Pepê e ao invadir a área, caiu no chão. Anderson Daronco não pensou duas vezes e assinalou a marca da cal. Diego Souza, que não tem nada a ver, bateu o pênalti no meio do gol e ampliou o placar.

Pela primeira vez titular na temporada, Thiago Neves teve duas chances para aumentar o marcador antes do fim do primeiro tempo, mas parou no travessão na primeira oportunidade e furou na segunda.

Já satisfeito com o resultado, o Grêmio prendeu mais o jogo na etapa complementar e seguia sem sofrer com o Juventude. O forte calor que faz em Porto Alegre contribuiu para que o duelo desse uma esfriada.

Os donos da casa ainda tiveram mais uma chance clara de fazer 3 a 0. Pepê, destaque do jogo, recebeu livre dentro da área e deu um lindo drible em Marcelo Cirné. O arqueiro alviverde derrubou o camisa 25 e Daronco marcou novo pênalti. Contudo, Alisson pediu para bater e Cirné defendeu.

Quando tudo parecia caminhar para o fim do jogo, o Tricolor gaúcho teve sua terceira cobrança de pênalti na partida, aos 48. Alisson foi derrubado por Eltinho, e Luciano não desperdiçou.

Quinta vitória em oito jogos do Grêmio no ano e liderança provisória na tabela

FICHA TÉCNICA

GRÊMIO 3X0 JUVENTUDE

Local: Arena, em Porto Alegre (RS)

Data: 29 de fevereiro de 2020, sábado

Horário: 11h

Árbitro: Anderson Daronco

Assistentes: Michael Stanislau e Maíra Mastella Moreira

Cartão amarelo: Thaciano (Grêmio); Edcarlos, Reynaldo e Eltinho (Juventude)

Gol: Pepê, aos oito minutos, Diego Souza, aos 28 do primeiro tempo, e Luciano, aos 48 do segundo tempo (Grêmio)

GRÊMIO: Vanderlei; Orejuela, Geromel, Paulo Miranda e Caio Henrique; Lucas Silva, Maicon (Thaciano), Alisson e Thiago Neves (Patrick); Pepê e Diego Souza (Luciano).

Técnico: Renato Gaúcho

JUVENTUDE: Marcelo Carné; Samuel Santos, Reynaldo, Edcarlos, Eltinho; João Paulo, Marciel (Bruno Xavier), Pedro Ken e Lennon; Bruno Alves (Iago) e Bruno Nunes.

Técnico: Marquinhos Santos

Veja também:

Vai ter Dérbi! Editor do L! projeta final do Paulistão
Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade