PUBLICIDADE
Logo do

Flamengo

Favoritar Time

Flamengo muda de patamar na fase de grupos da Libertadores

Time deixa para trás as eliminações precoces na competição

4 mai 2022 - 08h49
Ver comentários
Publicidade
Jogadores do Flamengo celebram gol
Jogadores do Flamengo celebram gol
Foto: Alexandre Durao/Zimel Press / Gazeta Press

O que era impensável até 2019, com eliminações precoces e vexames em sequência, virou uma situação corriqueira, com vitórias e classificações em primeiro lugar. O milionário Flamengo mudou de patamar na fase de grupos da Libertadores. Hoje, contra o Talleres, na Argentina, o time defende invencibilidade de 12 jogos nessa etapa que antecede às oitavas. 

São nove vitórias e apenas três empates nesses 12 duelos, um aproveitamento de 83%. Ou seja, neste recorte, não perde há quase dois anos. Aliás, desde 2019, a equipe só tem avançado em primeiro. Se ganhar do rival portenho, carimba a classificação e praticamente a liderança do Grupo H com duas rodadas de antecedência. 

A última derrota do clube na disputa de grupos da Libertadores foi em setembro de 2020, sob o comando técnico de Domènec Torrent, contra o Independiente del Valle (EQU). Na ocasião, inclusive, o Rubro-Negro sofreu goleada histórica: 5 a 0, no Equador.

Desde 2019, após a conquista da Libertadores, grande parte da torcida tem considerado como obrigação o time vencer e convencer. Mesmo fora de casa. Vide a onda de reclamação dos torcedores nas redes sociais após o triunfo por 3 a 2 sobre a Universidad Católica, na semana passada, no Chile. 

Muitos criticaram a atuação do time, especialmente no setor defensivo, que deu espaço demais ao rival e ainda anotou dois gols contra. A sensação no clube é que a exigência aumentou, efeito colateral da mudança de patamar.

Papo de Arena Todo o conteúdo (textos, ilustrações, áudios, fotos, gráficos, arquivos etc.) deste blog é de responsabilidade do blogueiro que o assina. A responsabilidade por todos os conteúdos aqui publicados, bem como pela obtenção de todas as autorizações e licenças necessárias, é exclusiva do blogueiro. 
Publicidade
Publicidade